Bolsa Família ofertará empréstimo especial em 2024? Veja o que se sabe da liberação

Algumas pessoas que recebem o Bolsa Família contam com desconto de até R$ 160 em seu benefício, referente ao pagamento de empréstimo. Na época do Auxílio Brasil o crédito consignado foi oferecido e suas parcelas duram até hoje. Agora, surge a expectativa da liberação de um novo empréstimo para o grupo.

Bolsa Família ofertará empréstimo especial em 2024? Veja o que se sabe da liberação
Bolsa Família ofertará empréstimo especial em 2024? Veja o que se sabe da liberação (Imagem: FDR)

De acordo com a CUT (Central Única dos Trabalhadores), na época em que ficou disponível o empréstimo do Auxílio Brasil, uma em cada seis famílias contrataram o crédito. Com a volta do Bolsa Família, porém, as regras do produto foram alteradas e mais tarde o governo federal determinou o fim do consignado. 

Bolsa Família terá empréstimo em 2024?

O governo federal não trouxe nenhum detalhe sobre a possibilidade da liberação de empréstimo pelo Bolsa Família em 2024. Na realidade, pouco se falou sobre novos investimentos no programa que foi redesenhado em 2023, no retorno de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) como presidente do país.

No início do último ano as regras do crédito consignado foram alteradas, diminuindo a atração dos beneficiários. Diante disso, as expectativas para este ano são de que:

STF aprova empréstimo no Bolsa Família

Em setembro do ano passado o STF (Supremo Tribunal Federal) aprovou por unanimidade que o empréstimo consignado para benefícios sociais é constitucional. No entanto, dias depois o governo federal proibiu que inscritos no Bolsa Família solicitem o crédito. 

A justificativa do poder Executivo para proibir este tipo de crédito foi de que a decisão ajudaria a evitar endividamento da população em situação de vulnerabilidade”.

No entanto, quem recebe o BPC (Benefício de Prestação Continuada) pode solicitar o empréstimo com desconto em folha. Podendo haver o comprometimento de até 35% do seu salário para o pagamento do empréstimo, em um prazo de no máximo 84 meses.

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: lilacunha.fdr@gmail.com
Sair da versão mobile