IPTU, conta de luz, Imposto de Renda; Veja as isenções que os idosos têm direito

Pontos-chave
  • Algumas isenções têm regras diferentes pelo país.
  • Idosos passam a ter benefícios a partir dos 60 anos.
  • Carteirinha do Idoso amplia o acesso aos benefícios.

Pessoas com mais de 60 anos tem direito a isenções em alguns serviços e impostos, como o IPTU. Além disso, eles também conseguem pagar menos em ingressos e podem viajar sem custo algum. Confira 8 isenções e benefícios garantidos aos idosos.

IPTU, conta de luz, Imposto de Renda; Veja as isenções que os idosos têm direito
IPTU, conta de luz, Imposto de Renda; Veja as isenções que os idosos têm direito . (Imagem: FDR)

Talvez você não saiba, mas, a partir dos 60 anos é possível ter isenções em diversos serviços. Entre eles está a declaração do Imposto de Renda, que precisa ser entregue anualmente. Com uso da carteirinha os idosos também conseguem ter acesso a ingressos mais baratos e outros serviços.

Isenção do IPTU para idosos

A arrecadação do Imposto Territorial Urbano é uma responsabilidade de cada município, por isso as regras podem variar entre si.

Geralmente a isenção é concedido a quem tem acima de 60 anos, quem recebe o Benefício de Prestação Continuar (BPC), é aposentado ou pensionistas. Como dito, as regras podem mudar entre as cidades.

A isenção é concedida para a pessoa que possui apenas um imóvel, usado para sua moradia e que tenha área construída de até 120 m2. Para ter acesso a isenção é necessário comparecer ao setor responsável na prefeitura portando os documentos:

Isenção no Imposto de Renda

Tanto aposentados quanto pensionistas podem ter acesso a isenção, desde que tenham acima de 65 anos e renda anual até R$ 24.751,74; saiba mais.

Isenção na conta de luz

A Tarifa Social de Energia Elétrica é voltada aos seguintes grupos:

Nessa última situação é necessário que o tratamento necessite de uso contínuo de aparelho médico ou terapêutico que use energia elétrica.

POR QUANTO TEMPO O BENEFÍCIO DE PRESTAÇÃO CONTINUADA (BPC) É PAGO?

Atendimento preferencial

Esse benefício está disponível em órgãos públicos, mas, acaba sendo estendido, por exemplo aos mercados, que, geralmente, criam filas voltadas ao atendimento preferencial.

Por determinação os idosos sempre têm prioridade em processos e procedimentos, isso inclui até mesmo as ações judiciais. Nos locais em que o atendimento acontece por meio de senhas, os idosos devem receber senhas prioritárias, que aceleram o atendimento.

Meia entrada

Com a carteirinha do idoso é possível ter descontos que podem chegar a 70%. Os benefícios incluem a compra de meia entrada em ingressos artísticos, culturais, de lazer e até esportivos.

A emissão é feita gratuitamente e pela internet, a carteirinha ainda serve como uma espécie de “identificação do idoso”.

Medicamentos

Nesse caso é necessário consultar a lista de medicamentos oferecidos pelo Programa Farmácia Popular do Brasil, pois, nem todos são gratuitos, para alguns é concedido o desconto de 90%.

Além disso, o Estatuto do Idoso ainda garante o acesso gratuito a próteses, órteses e outros recursos relacionados ao tratamento.

IPTU, conta de luz, Imposto de Renda; Veja as isenções que os idosos têm direito
IPTU, conta de luz, Imposto de Renda; Veja as isenções que os idosos têm direito (Imagem: FDR)

Estacionamento gratuito

5% das vagas em estacionamentos públicos privados devem ser destinadas às pessoas com mais de 60 anos. As vagas devem estar sinalizadas de forma clara para facilitar o acesso.

Gratuidade no transporte público

Por lei, 10% dos assentos nos veículos de transporte público são destinados às pessoas idosas. O acesso a esse serviço geralmente é feito através do uso de carteirinha que é emitida em cada município.

Mas, também é possível utilizar essa gratuidade com apresentação do documento de identificação com foto.

Essa gratuidade também é oferecida em viagens interestaduais, ou seja, entre diferentes estados. Nesse caso, se os 10% de vagas já tiverem sido ocupadas, a empresa deve oferecer 50% de desconto na compra da passagem.

Para utilizar o serviço, além de comprovar a idade, também é necessário comprovar a limitação de renda que impede o pagamento do valor.

Jamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.
Sair da versão mobile