Guia do INSS: consulte os valores das aposentadorias e pensões em 2024

Pontos-chave
  • O INSS oferece diversos tipos de aposentadorias e benefícios previdenciários, cada um com suas próprias regras e requisitos;
  • O Guia do INSS libera informações referentes à contribuição e pagamento;
  • É importante lembrar que os benefícios oferecidos pelo Guia do INSS, exigem perícia prévia.

O Guia do INSS surgiu no FDR como uma forma de auxiliar os cidadãos brasileiros com dúvidas acerca das normas e modo de funcionamento do Instituto Nacional do Seguro Social. Abaixo você confere todos os detalhes sobre tipos e valores das aposentadorias e pensões em 2024

Guia do INSS: consulte os valores das aposentadorias e pensões em 2024
Guia do INSS: consulte os valores das aposentadorias e pensões em 2024. (Imagem: FDR)

O Guia do INSS libera informações referentes à contribuição e pagamento, sendo portanto, dividido em dois calendários e tendo duas tabelas à nível de informação. Antes de explicar como funcionam as tabelas do INSS, é importante lembrar que os segurados da autarquia têm direito alguns benefícios são eles:

É importante lembrar que os benefícios oferecidos pelo Guia do INSS, exigem perícia prévia e o acesso se dá através do portal Meu INSS por meio de uma solicitação. É válido mencionar também que para evitar pendências e bloqueio no benefício previdenciário, os segurados precisam realizar anualmente a prova de vida.

Guia do INSS de aposentadorias e benefícios

O INSS oferece diversos tipos de aposentadorias e benefícios previdenciários, cada um com suas próprias regras e requisitos. A seguir, estão listados as principais opções:

Meu INSS 2023: CADASTRO, CONSULTA ONLINE, EXTRATO E AGENDAMENTO DIGITAL DOS SERVIÇOS

Direitos dos aposentados do INSS

Para mais de 38 milhões de aposentados do INSS, as complexidades das regras previdenciárias frequentemente geram incertezas. A seguir, veja os principais direitos dos segurados da Previdência Social

Tabela de contribuições para aposentados do INSS

Salário de contribuição Alíquota da contribuição previdenciária 
Até R$ 1.320 7,5%
De R$ 1.302,01 até R$ 2.571,29 7,5% a 8,25%
De R$ 2.571,30 até R$ 3.856,94 8.25% a 9,5%
De R$ 3.856,95 até R$ 7.507,49 9,5% a 11,69%

Modelos de contribuições do INSS

Existem dois tipos de contribuições do INSS, a obrigatória e a facultativa. A diferença entre cada uma delas consiste na execução ou não de uma atividade remunerada. Entenda a seguir!

Contribuição individual

Na contribuição individual, ou obrigatória, o contribuinte tem a obrigação de realizar o pagamento do INSS sobre a sua remuneração mensal. Ou seja, ele atua numa atividade remunerada e é obrigado a pagar ao instituto.

Contribuição facultativa

Enquanto isso, na contribuição facultativa, o contribuinte é aquele que não realiza atividade remunerada, mas deseja recolher e ter a proteção da Previdência Social. Ele não é obrigado a recolher o INSS, mas pode preservar os seus direitos previdenciários no que tange a pensões, aposentadorias e auxílio-doença.

Vale salientar que se o trabalhador realizar a contribuição previdenciária na categoria errada, poderá perder direitos. Além disso, é importante que o trabalhador tenha um cuidado especial com a regularidade das contribuições previdenciárias.

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.
Sair da versão mobile