Foi autorizado acumular o BPC com outros benefícios? Entenda

Ter acesso ao Benefício de Prestação Continuada (BPC) já é uma importante garantia de segurança financeira. Agora, o que está em discussão é a possibilidade de somar o acesso à vantagem a outros benefícios. Você sabe se é possível? Siga na matéria para entender os próximos passos.

Foi autorizado acumular o BPC com outros benefícios? Entenda
Foi autorizado acumular o BPC com outros benefícios? Entenda. Imagem: FDR

Uma mudança na regra do acúmulo dentro do BPC será determinante para muitos beneficiários. Isso porque uma renda extra está sendo garantida para os integrantes do INSS.

Agora, o BPC pode ser adicionado a outros auxílios cedidos pelo governo federal. Desta forma, os cidadãos que estão ligados ao programa Bolsa Família, por exemplo, poderão ser contemplados.

Como solicitar a aposentadoria sendo titular do BPC?

Antes de tudo, é importante destacar que a transição do BPC para a aposentadoria não é automática. Assim, é fundamental estar atento ao cumprimento dos critérios de idade e tempo de serviço.

É importante ressaltar que, por lei, os beneficiários não podem acumular estes dois benefícios. Ou seja, ao conseguir a concessão da aposentadoria, o titular deve abrir mão do BPC.

A seguir, entenda o processo detalhado:

  • A legislação prevê que titular do BPC pode receber aposentadoria;
  • No entanto, é preciso que ele cumpra os critérios de idade e tempo de serviço;
  • Com a Reforma da Previdência, prazos foram modificados;
  • Agora, homens podem se aposentar com mínimo de 65 anos e 20 anos de contribuição;
  • Para as mulheres, idade mínima é de 62 anos e tempo de contribuição é de 15 anos;
  • Os benefícios não podem ser acumulados;
  • Dessa forma, ao ter a aposentadoria concedida, beneficiário deverá abrir mão do pagamento do benefício;
  • Solicitação da aposentadoria deve ser feito ao INSS;
  • Pedido pode aberto online por meio do aplicativo ou site do Meu INSS;
  • O titular do benefício que ainda não realizou contribuições suficientes pode realizar os pagamentos de forma individual;
  • Para tal, é preciso realizar o pagamento facultativo através da Guia da Previdência Social.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Vittoria Fialho
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já esteve como repórter no Diario de Pernambuco e no Portal NE45 Minutos. Nos veículos, fez parte das editorias de redes sociais e esportes. Também acumula experiência na assessoria de imprensa do Clube Náutico Capibaribe. Suas redes sociais são: @vtfialho e [email protected].