Minha Casa Minha Vida anuncia parceria inédita com o Bolsa Família beneficiando os inscritos

O Governo Federal anunciou uma parceria inédita que beneficiará os titulares do Bolsa Família. Este público terá condições especiais na aquisição de imóveis através do programa habitacional Minha Casa Minha Vida (MCMV)

Minha Casa Minha Vida anuncia parceria inédita com o Bolsa Família beneficiando os inscritos
Minha Casa Minha Vida anuncia parceria inédita com o Bolsa Família beneficiando os inscritos. (Imagem: FDR)

Segundo informações do Ministério das Cidades, os titulares do Bolsa Família serão beneficiados com a isenção das mensalidades provenientes do Minha Casa Minha Vida. A iniciativa prevê o alívio do compromisso financeiro dos segurados do programa. 

A isenção das mensalidades do Minha Casa Minha Vida para titulares do Bolsa Família é voltada aos contratos caracterizados por modalidades subsidiadas. Na prática, são aquelas que utilizaram recursos do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), do Fundo de Desenvolvimento Social (FDS) e do Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR)

O Governo Federal publicou uma portaria que determina os limites de renda e a participação financeira dos beneficiários na quitação dos contratos do programa, bem como a aplicação da isenção. A princípio, o benefício era liberado para a Faixa 1 do Minha Casa Minha Vida, composta por quem possui renda mensal bruta de até R$ 2.640. 

Este público tinha a chance de pagar uma pequena parcela do valor do imóvel financiado. Vale mencionar que, em alguns casos, o subsídio do Governo Federal poderia chegar a 95%. Isso quer dizer que o titular do Bolsa Família pagava somente 5% do valor total. 

Quem terá a gratuidade do Minha Casa Minha Vida?

INSCRIÇÃO GRATUITA PARA FINANCIAR IMÓVEL PELO MINHA CASA MINHA VIDA (QUEM PODE PARTICIPAR?)

Quem pode se inscrever no Minha Casa Minha Vida?

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.
Sair da versão mobile