Caixa paga INDENIZAÇÃO de 15 mil para esta lista de pessoas

A Caixa estará efetuando um pagamento avaliado em R$ 15 mil para uma lista específica de pessoas. Portanto, caso o cidadão possua uma conta na Caixa Econômica Federal, é fundamental saber se estará apto ao pagamento deste novo valor em conta bancária.

FRAUDE no Bolsa Família pode atingir NEGATIVAMENTE o benefício de milhares de brasileiros
Caixa paga INDENIZAÇÃO de 15 mil para esta lista de pessoas (Imagem FDR)

Em 2022, quatro milhões de pessoas tiveram seus dados vazados de forma irregular. Estes dados foram de beneficiários do antigo programa social, Auxílio Brasil. Agora, a justiça determinou que a Caixa terá que efetuar o pagamento de uma multa avaliada em R$ 15 mil para estas quatro milhões de pessoas.

Além da Caixa, o governo federal, o Dataprev e também a Agência Nacional de Proteção de Dados farão parte das organizações responsáveis pelo pagamento deste valor. Todos eles foram considerados culpados pelo vazamento dos dados no ano passado. O valor disponibilizado para esta quitação foi de R$ 56 bilhões.

O vazamento ocorreu durante o primeiro turno das eleições de 2022. Vale ressaltar que o programa Auxílio Brasil havia renomeado o antigo Bolsa Família. Com o retorno do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o programa retornou ao seu nome original, incluindo um aumento no valor base do projeto.

Portanto, caso o cidadão teve os seus dados vazados no ano passado, é fundamental saber que pode estar apto ao recebimento de R$ 15 mil na sua conta de preferência. Esta quitação ainda não possui uma data prevista de acontecer, principalmente pelo fato de que ainda cabe recurso por parte da defesa.

Caixa busca ampliar sistema de segurança após vazamentos em 2022

Após o episódio ocorrido no ano passado, a Caixa Econômica Federal aplicou novas formas de segurança ao sistema do banco. Além disto, devido ao aumento de usuários na plataforma do Caixa Tem, também foi preciso ampliar a segurança do aplicativo. Ele vem sendo usado para pagamentos como o do Bolsa Família.

Além disto, o aplicativo também vem oferecendo novos serviços à população. Agora, pessoas que estão negativadas podem ter acesso à uma linha de crédito para ajudar no pagamento de dívidas. Para quem for MEI, também é possível obter um empréstimo através do app para ampliar a qualidade do serviço.

Flávio Costa
Estudante de jornalismo, já atuou na área de assessoria política ao compor o time de comunicação da atual governadora do estado, durante sua campanha eleitoral. Anteriormente, cursou 2 anos no curso de relações internacionais, podendo ampliar sua visão no aspecto macro e micro do cenário nacional e internacional. Fluente em inglês, já atuou como professor de idiomas e também de matemática. Por fim, trabalhou ainda como analista de operações pelo grupo Amazon. Atualmente, dedica-se a universidade e ao portal FDR. Suas redes sociais são @flavioarcosta e [email protected].