Notícia urgente da Caixa sobre os empréstimos deixam os brasileiros em alerta

A Caixa Econômica Federal acaba de divulgar uma notícia urgente sobre os empréstimos concedidos pelo banco. Desta forma, esta novidade serviu para deixar os brasileiros em alerta. Veja abaixo a informação com mais detalhes e saiba se será penalizado pela mudança.

Em dúvida para escolher um cartão de crédito? Caixa lança solução que pode te ajudar!
Notícia urgente da Caixa sobre os empréstimos deixam os brasileiros em alerta (Imagem: FDR)

As pessoas que estão em busca de um empréstimo com a ajuda da Caixa Econômica Federal receberam uma grande notícia nesta quarta-feira (20). A taxa de juros cobrada em solicitações de linhas de crédito receberam uma redução após Banco Central reduzir a taxa Selic em 0,5%.

Com isto, algumas modalidades de empréstimos sofreram reduções no valor da taxa de juros cobrada. No caso do empréstimo consignado, a taxa foi reduzida de 1,61% para 1,55%. Lembrando que o pagamento desta modalidade específica de empréstimo é descontada diretamente na folha de pagamento do solicitante.

A mudança também foi realizada para os Microempreendedores Individuais (MEI) e Microempresas (ME). Para este grupo de trabalhadores, a taxa reduzida foi menor, sendo subtraído 0,22% da alíquota atual. Portanto, buscando fomentar este setor, agora eles possum uma taxa de juros estabelecida em 0,99% ao mês.

Com estas mudanças, as agências da Caixa estão prontas para receberem as visitas de possíveis interessados na adesão de um empréstimo. Existem planos em que o cidadão terá até 60 meses para efetuar a quitação completa do valor solicitado. Veja abaixo quais bancos também oferecem empréstimos.

Além da Caixa, quais outros bancos estão realizando empréstimos para a população?

A Caixa realiza a concessão de empréstimos através de suas unidades e também de forma virtual, através do aplicativo Caixa Tem. Neste aplicativo, ele possui a vantagem de oferecer condições até mesmo para os trabalhadores que estão negativados. Diferente dos grandes bancos privados que costumam negar.

Portanto, apesar de oferecerem boas condições, bancos como Nubank, Bradesco, Itaú e Santander possuem uma resistência em ceder valores aos negativados. Com isto, grande parte recorre aos bancos estatais, como é o caso do Banco do Brasil e da própria Caixa Econômica Federal.

Muitos bancos privados utilizam do score no Serasa para verificarem se o cidadão pode ser uma opção viável de empréstimo. Quando o trabalhador não é um bom pagador, os bancos privados estão inclinados à recusar a proposta.

Flávio Costa
Estudante de jornalismo, já atuou na área de assessoria política ao compor o time de comunicação da atual governadora do estado, durante sua campanha eleitoral. Anteriormente, cursou 2 anos no curso de relações internacionais, podendo ampliar sua visão no aspecto macro e micro do cenário nacional e internacional. Fluente em inglês, já atuou como professor de idiomas e também de matemática. Por fim, trabalhou ainda como analista de operações pelo grupo Amazon. Atualmente, dedica-se a universidade e ao portal FDR. Suas redes sociais são @flavioarcosta e [email protected].