INSS anuncia quais aposentados têm direito a reajuste salarial

Mensalmente, o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) realiza o pagamento de aposentadorias, pensões e auxílios para milhões de brasileiros. Para parte da população, os valores recebidos podem ser reajustados após um simples pedido.

INSS anuncia quais aposentados têm direito a reajuste salarial
INSS anuncia quais aposentados têm direito a reajuste salarial. (Imagem: FDR)

Um benefício de reajuste de 25% no valor pago pelo INSS está disponível para os trabalhadores que se aposentaram por possuir incapacidade permanente de exercer algum tipo de atividade.

Quem tem direito ao reajuste do INSS?

Ele é concedido para aqueles que comprovam que possuem a necessidade de um acompanhamento de saúde constante, que deve ser realizado diariamente para que o reajuste seja liberado pelo Instituto.

Saiba solicitar a correção de aposentadoria do INSS

Para realizar o pedido de correção no valor da aposentadoria, o segurado pelo INSS precisa agendar o atendimento em um dos postos do Instituto Nacional. Esse processo deve ser realizado por meio do telefone 135, onde está disponível a central de atendimento do órgão federal.

O agendamento também pode ser realizado online. Para tal, o Instituto disponibiliza o aplicativo Meu Inss, que está disponível tanto para usuários do sistema Android como do iOS.

Para comprovar que tem direito ao reajuste, o aposentado deverá apresentar documentos que atestem sua necessidade de acompanhamento diário.

Segundo o último boletim emitido pela Previdência Social no país, cerca de 3% do total de aposentadorias concedidas no Brasil são motivadas pela incapacidade permanente dos segurados.

De acordo com a legislação, o auxílio pago pelo Instituto precisa ser de, no mínimo, um salário mínimo, o que equivale a R$ 1.320 neste ano de 2023. No entanto, em alguns casos, o valor pode ser maior, tendo em vista que é realizado um cálculo médio das contribuições do trabalhador que solicita a aposentadoria.

O INSS disponibiliza uma listagem com as condições de saúde que possibilitam a concessão de reajuste de 25% no total da aposentadoria. Veja algumas delas:

  • Cegueira total
  • Perda de nove ou mais dedos das mãos
  • Paralisia dos dois braços ou pernas
  • Perda das pernas, em casos que a colocação de prótese for impossível
  • Perda de uma das mãos e de dois pés, ainda que a prótese seja possível
  • Perda de um braço e uma perna, quando a prótese for impossível
  • Doença que deixe o segurado acamado
  • Incapacidade permanente para as atividades da vida diária

Danielle Santana
Jornalista formada pela Universidade Católica de Pernambuco, já atuou como repórter no Jornal do Commercio, Diario de Pernambuco e Folha de Pernambuco. Nos locais, acumulou experiência nas editorias de economia, cotidiano e redes sociais. Possuí experiência ainda como assessora de imprensa.