Titulares do Bolsa Família tentam DESBLOQUEIO do pagamento online

Desde que o governo federal anunciou e, principalmente, colocou em prática o processo de bloqueio do Bolsa Família, os titulares do benefício têm se desesperado. Apenas de março para abril foram pelo menos 1,2 milhões de pessoas com o auxílio suspenso. Mas essa situação pode ser revertida, basta que o cidadão consiga comprovar que tem direito ao pagamento.

Titulares do Bolsa Família tentam DESBLOQUEIO do pagamento online
Titulares do Bolsa Família tentam DESBLOQUEIO do pagamento online (Imagem: FDR)

De acordo com o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), responsável pelo Bolsa Família, o pente-fino entrou em uma nova fase nesse último mês. Essa etapa foi chamada de “Averiguação Cadastral Unipessoal”, e tem como objetivo revisar os dados das famílias unipessoais que recebem benefícios do poder público.

Segundo o MDS há mais de 8 milhões de famílias unipessoais no Cadastro Único, sendo que 5 milhões foram inscritas e aceitas no Bolsa Família. Para ter acesso a esse benefício é preciso ter renda mensal de no máximo R$ 218 por pessoa da família. No caso de famílias unipessoais, compostas por um único membro, isso significa que aquele cidadão não pode ganhar mais que R$ 218 por mês.

Embora o foco dos bloqueios do Bolsa Família sejam os unipessoais, uma reportagem do UOL mostrou que outros grupos estão sofrendo com a suspensão dos seus benefícios. Um dos critérios usados é a falha na frequência escolar das crianças, o que impede o recebimento do benefício. Com isso, grandes filas estão sendo criadas em frente as unidades de atendimento do Cadastro Único.

Como desbloquear o Bolsa Família

O desbloqueio do Bolsa Família está disponível. Isso significa que as famílias que tiveram seu auxílio suspenso, ainda terão a oportunidade de reverter esse status. No entanto, não é possível fazer o desbloqueio de forma online. Os interessados precisarão seguir o passo a passo:

  • Compareça até uma unidade do CRAS (Centro de Referência e Assistência Social) do seu município;
  • O atendente vai procurar no seu cadastro a justificativa para o bloqueio;
  • Apresentar documentos de identificação de todos os membros da família;
  • Responda a um questionário socioeconômico;
  • Aguarde a nova análise.

Online é possível consultar se o Bolsa Família foi bloqueado. Para isso, basta acessar o aplicativo do programa, o Caixa Tem, ou ligando para o número 111 da Caixa ou 121 do MDS.

Lila Cunha
Autora é jornalista e atua na profissão desde 2013. Apaixonada pela área de comunicação e do universo audiovisual. Suas redes sociais são: @liilacunhaa, e-mail: [email protected]