Lote residual para receber a restituição do Imposto de Renda está disponível para consulta

Na sexta-feira, 24, a Receita Federal encerrou a semana liberando consultas a um novo lote residual para a restituição do Imposto de Renda em março. A medida deve contemplar cerca de 94.864 contribuintes que caíram na malha fina, mas que regularizam a situação perante o Fisco a tempo. 

Lote residual para receber a restituição do Imposto de Renda está disponível para consulta
Lote residual para receber a restituição do Imposto de Renda está disponível para consulta. (Imagem: FDR)

Ao todo, a Receita Federal prevê a liberação de um montante no valor de R$ 300 milhões por meio do atual lote de restituição do Imposto de Renda. No entanto, parte deste valor, R$ 196.597.983,60, contempla exclusivamente o grupo prioritário de contribuintes, composto por:

  • 3.490 idosos com mais de 80 anos; 
  • 20.181 idosos na faixa etária de 60 a 79 anos;
  • 3.261 pessoas com alguma deficiência física/mental ou moléstia grave;
  • 6.161 pessoas cuja maior fonte de renda seja o magistério;
  • 61.771 contribuintes não prioritários já foram contemplados. 

Etapas do resgate da restituição do Imposto de Renda

Esses contribuintes terão acesso à restituição do Imposto de Renda no dia 31 de março. Os valores do lote residual serão depositados automaticamente na conta bancária informada na declaração. Na hipótese de o depósito não acontecer como previsto, o saldo ficará disponível para resgate pelo prazo de um ano no Banco do Brasil (BB). 

Nesse caso, o cidadão poderá agendar o crédito em qualquer conta bancária em seu nome, por meio do Portal BB, ou ligando para a Central de Relacionamento do banco, nos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos).

Caso o contribuinte não resgate a restituição depois de um ano, a pessoa deverá requerer o valor no Portal e-CAC. Ao entrar na página, ele deve acessar o menu “Declarações e Demonstrativos”, clicar em “Meu Imposto de Renda” e, em seguida, no campo “Solicitar restituição não resgatada na rede bancária”.

Consulta à restituição do Imposto de Renda

A consulta pode ser feita na página da Receita Federal na internet. Basta clicar em “Meu Imposto de Renda” e, em seguida, no botão “Consultar a Restituição”. Também é possível fazer a consulta no aplicativo da Receita Federal para tablets e smartphones.

Caso o contribuinte não esteja na lista, deverá entrar no Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte (e-CAC) e tirar o extrato. Se verificar pendência, pode enviar uma declaração retificadora e esperar os próximos lotes da malha fina.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.