PROUNI 2023: Calendário finalmente é divulgado. Confira principais datas

Programa concede bolsas de estudos em cursos de graduação de instituições particulares de todo o país. As inscrições do Prouni 2023 serão abertas já no próximo mês de fevereiro. Saiba mais sobre o programa e o calendário dessa edição.

PROUNI 2023: Calendário finalmente é divulgado. Confira principais datas
PROUNI 2023: Calendário finalmente é divulgado. Confira principais datas(Imagem: FDR)

Na última semana o Ministério da Educação divulgou o edital do Prouni 2023 que oferta bolsas de estudos em cursos de graduação. Vale lembrar que desde 2022 estudantes da rede particular podem se inscrever mesmo aqueles que fizeram o ensino médio sem bolsa, desde que atendam ao critério de renda.

O MEC ainda não informou o número total de bolsas que estarão disponíveis nessa seleção.

Calendário do PROUNI 2023.1

  • Período de inscrições: de 28 de fevereiro a 3 de março
  • Primeira chamada: 7 de março
  • Comprovação de documentos e eventual processo seletivo adicional: 7 a 16 de março
  • Segunda chamada: 21 de março
  • Comprovação de documentos e eventual processo seletivo adicional: 21 a 30 de março
  • Período para demonstrar interesse na lista de espera: 5 e 6 de abril
  • Lista de espera: 10 de abril
  • Comprovação de documentos e eventual processo seletivo adicional: 10 a 19 de abril

Quem pode concorrer às vagas do PROUNI 2023?

A primeira grande regra é ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio de 2022 ou 2021; além disso, os candidatos devem atender a uma das seguintes condições:

  • Ter cursado o ensino médio integralmente em escola da rede pública;
  • Ter cursado o ensino médio integralmente em instituição privada como bolsista integral;
  • Ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em instituição privada como bolsista integral;
  • Ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em instituição privada como bolsista parcial ou sem a condição de bolsista; e
  • Ter cursado o ensino médio integralmente em instituição privada como bolsista parcial ou sem a condição de bolsista;
  • Ser pessoa com deficiência, na forma prevista na legislação; e
  • Ser professor da rede pública de ensino, exclusivamente para os cursos de licenciatura e pedagogia, destinados à formação do magistério da educação básica.

As inscrições poderão ser feitas através do portal Acesso Único.

Para saber mais sobre vagas de emprego, vestibulares e cursos, acompanhe a nossa editoria de Carreiras.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Jamille NovaesJamille Novaes
Baiana, formada em Letras Vernáculas pela UESB, pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Apaixonada por produção textual, já trabalhou como corretora de redação, professora de língua portuguesa e literatura. Atualmente se dedica ao FDR e a sua segunda graduação.