Segunda via do CPF pode ser solicitada online. Confira o passo a passo

A burocracia para solicitar a segunda via de um documento, como o Cadastro de Pessoa Física (CPF), está cada dia mais simplificada. Graças ao avanço da tecnologia, é possível fazer o pedido sem sair de casa ou de qualquer lugar que se esteja, através da internet.

NOVO RG: veja quem DEVE fazer a EMISSÃO a partir de AGOSTO
Segunda via do CPF pode ser solicitada online. Confira o passo a passo. (Imagem: FDR)

Seja por ter perdido o documento em um momento de desatenção ou no caso de roubo ou furto, é de extrema importância que, assim que perceber que não possui mais a documentação, o cidadão busque providenciar a 2ª via.

Lembrando que o cartão azul é uma versão mais antiga do CPF, portanto, ele não é mais emitido. Caso esse tenha sido o formato do seu documento perdido, o que vai substituí-lo é uma outra versão. Hoje, o CPF e a Carteira de Identidade se fundiram e os brasileiros precisam portar apenas um cartão.

As pessoas que declaram Imposto de Renda (IR) têm um processo de emissão diferente das que não declaram o tributo. A seguir, confira o passo a passo para solicitar a segunda via do CPF nos dois casos.

Solicitação de segunda via do CPF para quem não declara IR

  • Acesse este link do site da Receita Federal. Para fazer o pedido da 2ª via, não é preciso cadastro prévio na plataforma;
  • Em seguida, preencha o formulário com número de CPF, nome completo, data de nascimento, nome da mãe e número do Título de Eleitor;
  • Selecione a opção “Enviar”;
  • Confira se os seus dados que aparecem na tela seguinte estão corretos;
  • Imprima o documento.

Solicitação de segunda via do CPF para quem não declara IR

Para esse grupo de pessoas, é oferecida uma outra forma de fazer a solicitação. A pessoa contribuinte pode dar entrada no processo sem preencher um formulário, pois estará usando os seus dados cadastrados no portal do Governo Federal.

  • Acesse esta página do e-CAC da Receita Federal;
  • Faça o login com a sua conta do gov.br;
  • Na tela inicial do e-CAC, selecione a opção “Cadastros”;
  • Em seguida, selecione “Comprovante de inscrição no CPF”;
  • Imprima o documento.

Após o prazo de emissão concedido, o novo documento de identificação já estará liberado para o cidadão. Para buscar a carteira, confira os horários de funcionamento do órgão emissor da sua região.

O que mudou com a nova carteira de identidade

É possível que brasileiros registrados há mais de 10 anos possuam dois documentos de identificação: a Carteira de Identidade Nacional (CIN), que contém o número do Registro Geral (RG), e a carteira do CPF.

Há alguns anos, o número do CPF foi incluído na carteira de identidade, de modo que alguns cidadãos já não precisaram emitir o cartãozinho azul do CPF na hora de se registrarem. Agora, mais uma novidade é apresentada aos cidadãos quando se trata de documentos oficiais.

A nova carteira de identidade unifica de vez o número do CPF como o RG. No documento mais recente constará apenas o número do CPF, que passa a valer também como registro geral.

Informações que estarão na nova Carteira de Identidade

Nome completo do cidadão, nome social, se houver, sexo, data de nascimento, nacionalidade, naturalidade, CPF e a data de validade do documento. A carteirinha também terá um QR code para autenticação eletrônica.

Outra novidade da CIN é o código MRZ, que é reconhecido por padrão internacional e permite que a nova carteira de identidade seja válida como documento de viagem que pode, inclusive, substituir o passaporte em países do Mercosul.

Como solicitar a nova carteira de identidade

A emissão da nova carteira de identidade é gratuita, mas só pode ser solicitada presencialmente. O cidadão deve ir ao órgão emissor da sua região com certidão de nascimento ou casamento e CPF regularizado.

Quando estiver pronta, a carteira será disponibilizada em versão física e digital. Como contém apenas o CPF como número de identificação, a emissão da nova carteira de identidade implica no “apagamento” do RG do solicitante. 

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Emília PradoEmília Prado
Jornalista graduada pela Universidade Católica de Pernambuco. Tem experiência com redação publicitária e jornalística, com passagem pelo Diario de Pernambuco e Sistema Jornal do Commercio de Comunicação. No portal FDR, é redatora na editoria de renda e direitos sociais.