“Faraó do Bitcoin” tem candidatura lançada no RJ e patrimônio declarado SURPREENDE

O ex-garçom Glaidson Acácio dos Santos, conhecido como “Faraó do Bitcoin”, pretende se candidatar a deputado federal do Rio de Janeiro nas Eleições 2022. Ele está preso devido a envolvimento de pirâmide financeira com criptomoedas.

“Faraó do Bitcoin” tem candidatura lançada no RJ e patrimônio declarado SURPREENDE
“Faraó do Bitcoin” tem candidatura lançada no RJ e patrimônio declarado SURPREENDE
(Imagem: FDR)

Um dos possíveis candidatos às Eleições 2022 como deputado federal do Rio de Janeiro é o conhecido “Faraó do Bitcoin”. Glaidson precisou declarar ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o seu patrimônio.

Na última segunda-feira (15), ele registrou sua candidatura pelo partido Democracia Cristã (DC). Em sua declaração de bens apresentada ao TSE, informou que possui um patrimônio de R$ 60,4 milhões.

Na descrição, o ex-garçom afirmou possuir um apartamento no valor de R$ 450 mil e um capital de R$ 60 milhões. No registro, o “Faraó do Bitcoin” disse que é empresário, casado e tem ensino superior. 

O TSE tem até o mês de setembro para analisar a candidatura a deputado federal do RJ e validar ou não. Na última terça-feira (16), as campanhas eleitorais começaram, porém, os registros das candidaturas serão julgados até 12/09.

Esquema de pirâmides com criptomoedas

Glaidson foi preso em agosto do ano passado, acusado de operar um esquema com criptomoedas no Rio de Janeiro. Essa era feita por meio de sua empresa G.A.S Consultoria. Além dele, sua esposa, Mirelis Zarpa, e outras 15 pessoas também são acusadas de participar da fraude. 

Criptomoedas para iniciantes: Como investir, quanto rende, onde comprar e outras dúvidas

Mirelis está foragida da Justiça. De acordo com a Polícia Federal, a empresa do “Faraó do Bitcoin” movimentou cerca de R$ 40 bilhões em 10 anos. A promessa da organização era de um retorno de até 15% do valor investido pelos clientes.

Eleições 2022

As campanhas eleitorais já iniciaram e agora os candidatos podem realizar comícios, carreatas, distribuir material gráfico, divulgar conteúdo na internet e pedir votos usando o número de sua candidatura.

Neste ano, as Eleições serão para deputado estadual, deputado federal, governador, senador e presidente. O período de campanha vai de 16 de agosto até 01 de outubro, véspera do primeiro turno das eleições de 2022.

A partir do dia 26 de agosto, os candidatos poderão exibir suas campanhas no horário eleitoral gratuito na televisão e no rádio. O tempo que cada partido terá é calculado pelo tamanho da bancada na Câmara dos Deputados.

Glaucia AlvesGlaucia Alves
Formada em Letras-Inglês pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Atuou na área acadêmica durante 8 anos. Em 2020 começou a trabalhar na equipe do FDR, produzindo conteúdo sobre finanças e carreira, onde já acumula anos de pesquisa e experiência.
Sair da versão mobile