Quem foi o PRESIDENTE que criou o PROUNI?

Com quase 20 anos de criação, o PROUNI já beneficiou milhares de estudantes em todo o país e se torna mais popular a cada dia. Pelo programa é possível ter acesso a bolsas de estudos parciais e integrais em cursos de graduação a estudantes que atendem aos requisitos e fizeram o Enem.

Quem foi o PRESIDENTE que criou o PROUNI?
Quem foi o PRESIDENTE que criou o PROUNI? (Imagem: FDR)

É praticamente impossível que você seja estudante e nunca tenha ouvido falar do Programa Universidade Para Todos, ainda que não saiba do que se trata. O PROUNI concede bolsas de estudos parciais (50%) ou integrais (100%) para estudantes de classes sociais mais baixas e que não teriam condições de pagar as mensalidades dos cursos.

A ideia central do programa é possibilitar que os estudantes deem continuidade nos seus estudos e contribuir para a diminuição das desigualdades sociais.

Quem criou o PROUNI?

Prouni surgiu em 2004 pela Lei nº 11.096/2005 sancionada pelo então Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, nessa época o ministro da Educação era Fernando Haddad.

Em suas primeiras seleções foram lançadas mais de um milhão de bolsas de estudos; mas foi em 2019 que o programa atingiu seu recorde histórico, ao conceder 243.888 vagas.

Quem pode participar do PROUNI?

O primeiro grande ponto é o seguinte:

Pelo objetivo central que é levar formação de nível superior à população mais carente, pessoas que já possuem diploma de graduação não podem concorrer às bolsas; exceto os professores que desejam fazer uma licenciatura.

Além disso, quem fez o Enem como treineiro também não pode usar o Prouni; para concorrer é necessário atender aos seguintes requisitos:

Ter feito a última edição do Enem; alcançado, pelo menos, 450 pontos na prova e não ter zerado a redação; ter renda familiar até três salários mínimos por pessoa; Atender ao menos uma das seguintes condições:

  • Ter feito todo o ensino médio em escola da rede pública;
  • Cursado o ensino médio integralmente em instituição privada, na condição de bolsista integral da respectiva instituição;
  • O ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em instituição privada, na condição de bolsista integral da respectiva instituição;
  • O ensino médio parcialmente em escola da rede pública e privada, na condição de bolsista parcial da respectiva instituição ou sem a condição de bolsista;
  • O ensino médio integralmente em instituição privada, na condição de bolsista parcial da respectiva instituição ou sem a condição de bolsista;

Para saber mais sobre vagas de emprego, vestibulares e cursos, acompanhe a editoria de Carreiras do FDR.

Entre na comunidade do FDR e receba informações gratuitas no seu Whatsapp!

Jamille NovaesJamille Novaes
Já atuei como professora de língua portuguesa e corretora textual. A produção de texto sempre foi minha paixão, foi na redação do FDR que me encontrei como profissional, por isso me dedico ao meu trabalho e, em busca de oferecer o meu melhor na produção de conteúdo do FDR tenho realizado cursos como o de UX Writing para Transformação Digital, Comunicação Digital e Data Jornalismo: Conceitos Introdutórios e o curso de Produção de Conteúdos Digitais.