Pastor Valdemiro Santiago tem sérios problemas com a Justiça envolvendo dívidas; entenda o caso

O “apóstolo” Valdemiro Santiago, fundador e líder da Igreja Mundial do Poder de Deus, vive impasses com a Justiça nos últimos anos. Ele e sua organização religiosa foram alvos de diversas investigações ou condenações, incluindo 15 condenações recentes, ocorridas entre 21 de maio e 21 de junho, por dívidas que totalizam R$ 2,5 milhões.

publicidade

Crise financeira

Valdemiro e a igreja estariam com problemas financeiros desde o início da pandemia, devido à proibição de funcionamento de templos e redução no número de frequentadores. Com isso, a “arrecadação” dos dízimos teria diminuído drasticamente, afetando o caixa da organização.

Em um dos processos mais recentes, o apóstolo foi condenado a pagar R$ 381 mil a um comerciante de Mogi Guaçu, no interior de São Paulo. O valor se refere ao aluguel de um imóvel contratado para realização de cultos em 2014, mas que não é pago desde 2019.

Uma dívida ainda maior, de R$ 409,8 mil, levou Valdemiro e sua igreja a serem condenados em abril deste ano. Na sua decisão, o juiz Luiz Fernando Guerra decidiu colocar para leilão um edifício de propriedade da Mundial, localizado no bairro de Santo Amaro, zona sul de São Paulo, e avaliado em R$ 33 milhões. Nele funciona um templo com capacidade para 20 mil pessoas e um estacionamento para 813 carros e 162 motos.

publicidade

A igreja tentou anular o leilão, dizendo que o imóvel valia bem mais que o valor apontado pelo juiz. “A não suspensão do leilão poderá acarretar em grande prejuízo patrimonial para a Igreja Mundial”, disse a organização em documento entregue à Justiça.

Penhora de dízimos

Já em maio, a juíza Ana Cláudia Guimarães e Souza penhorou 25% do faturamento da igreja mantida por Valdemiro, devido a uma dívida de R$ 117 mil em alugueis de templos, que se arrasta pelo menos desde 2019. A magistrada autorizou, inclusive, que um administrador judicial recolha os dízimos arrecadados durante os cultos até que a quantia seja quitada.

Em documento anexado ao processo, a igreja diz que a penhora “pode contribuir imensamente para o agravamento de sua crise financeira, estimulando sua insolvência perante os demais credores”.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

A Igreja Mundial do Poder de Deus foi fundada por Valdemiro Santiago em 1998, após ele deixar a concorrente Igreja Universal do Reino de Deus, onde também era pastor. Além das dívidas, a organização e seu líder já foram condenados por diversos outras situações, incluindo danos morais, estelionato e enriquecimento ilícito.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Amaury Nogueira
Amaury da Silva Nogueira é bacharelando em Letras/Edição pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Apaixonado pelo universo da escrita, atua há dois anos como redator e realiza pesquisas sobre história da edição no Brasil. Além disso, atualmente pesquisa também sobre direitos e benefícios sociais para agregar conhecimento na redação do portal de notícias FDR.