Receita Federal emite alerta sobre golpes em empréstimos; entenda como se proteger

A Receita Federal emite alerta sobre golpes em empréstimos. A atenção deve ser redobrada na hora de conferir liberações de créditos e câmbios. De acordo com informações do órgão, estelionatários têm simulado as condições de pagamento antecipado do IOF.

publicidade

O Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) é cobrado sobre operações de crédito e câmbio e tem sido utilizado para enganar pessoas que solicitam empréstimos. O alerta por parte da RF foi emitido na última quinta-feira (30), devido ao recebimento de uma grande quantidade de relatos de golpes.

Alerta da Receita Federal para o golpe do falso IOF

Acessar a internet tem parecido cada vez mais um campo minado. Com a crescente dos golpes eletrônicos no país, o alerta deve ser constante para evitarmos clicar em links que nos tornem as novas vítimas de um estelionatário.

Para parecerem cada vez mais convincentes, os criminosos têm utilizado estratégias cada vez mais elaboradas, como uma das mais recentes que é o uso do nome da Receita Federal. Mediante o crescimento dos relatos, o órgão emitiu um alerta para a população.

publicidade

Segundo a Receita Federal, a modalidade de golpe que vem crescente envolve pedidos de empréstimos. As supostas empresas comunicam uma liberação de valores que se tratariam do pagamento antecipado do IOF pela vítima. Os golpistas chegam ainda a enviar documentos de arrecadação falsos para que as pessoas paguem taxas para a liberação da quantia. O órgão informou que, nos relatos, as vítimas contaram ter feito pagamentos das taxas ou IOF por meio de transferências feitas pelo PIX. 

No aviso, a Receita Federal destacou que a cobrança se trata de um golpe e que o órgão não oferece dados para o recolhimento de tributos e de taxas por meio de transferências. O IOF é recolhido por meio do Documento de Arrecadação de Receitas Federais (DARF), pago pela instituição que oferece o crédito, não sendo pago pelo contribuinte. 

Como se proteger do golpe do pagamento antecipado do IOF.

Para se proteger deste golpe e de outros que utilizam o nome de órgãos e empresas, é importante estar sempre de olho nos portais oficiais para validar as informações que chegam até você. 

No comunicado, a Receita Federal torna clara a afirmação de que seus servidores não prestam serviços de empréstimo, assim como também não entram em contato com o cidadão para cobrar tal tipo de pagamento.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

O alerta da Receita orienta que as vítimas procurem as autoridades policiais assim que perceber estar sendo alvo de golpe. É importante reunir todas as provas possíveis para o registro do crime.

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Hannah Aragão
Hannah Aragão é graduanda em jornalismo pela Universidade Federal de Pernambuco, a UFPE. Atuou em diversas áreas da comunicação, passando por assessoria, endo marketing, comunicação estratégica e jornalismo impresso. Atualmente, se dedica ao jornalismo online na produção de matérias para o portal FDR.