Governo começa a pagar R$ 16 milhões para cidades afetadas pelos desastres naturais

O Governo Federal através do Ministério de Desenvolvimento Regional (MDR) autorizou a liberação de uma nova verba para as cidades afetadas pelos desastres naturais. Desta vez, o pagamento consiste no montante de R$ 16,7 milhões, que serão distribuídos entre 12 municípios

No Estado de Pernambuco, sete cidades afetadas pelos desastres naturais serão atendidas pelo amparo do governo. Exclusivamente para o município de Jaboatão dos Guararapes, haverão dois repasses, sendo o maior investimento no valor de R$ 6,9 milhões. 

O valor mencionado deve ser usado na compra de kits de limpeza, higiene pessoal e dormitório, como colchões, cestas básicas, combustível e aluguel de veículos. Já o segundo repasse de R$ 1 milhão, será direcionado à limpeza das vias urbanas e rurais. 

Para as demais cidades afetadas pelos desastres naturais em Pernambuco como, Goiana, Paudalho e Sirinhaém, o governo pagará as quantias de R$ 1,4 milhão, R$ 1,47 milhão e R$ 1,2 milhão, respectivamente. Os valores devem ser usados na compra de itens básicos de assistência humanitária. 

Seguindo os mesmos parâmetros, o MDR irá enviar R$ 881,4 mil para a cidade de Limoeiro, R$ 265,9 mil para Vicência e R$ 261,1 mil para Nazaré da Mata. Para se ter uma ideia sobre como as cidades foram afetadas pelos desastres naturais, desde o início das chuvas em Pernambuco, cerca de 130 pessoas morreram por todo o Estado. 

Por esta razão, o Governo Federal informa que autorizou o pagamento de R$ 31,3 milhões cujo investimento deve focar em ações de defesa civil no estado. 

Amparo aos desastres naturais em Minas Gerais

Em Minas Gerais, outro fortemente atingido pelas chuvas foi Mercês, o MDR vai liberar R$ 314,8 mil que deverão ser usados na reconstrução de uma ponte de concreto. No mesmo estado, a cidade de São Gotardo, com registro de inundações, contará com R$ 698,3 mil para a reconstrução de pontes destruídas.

Amparo aos desastres naturais em Alagoas

Em Alagoas, as cidades de Marechal Deodoro e Jacuípe receberão R$ 212,1 mil e R$ 164,3 mil, respectivamente. Os recursos também serão usados na compra de kits de limpeza, higiene pessoal e dormitório, colchões, cestas básicas e na contratação de pessoal e locação de máquinas, motobombas e caminhões. Os dois municípios foram bastante afetados pelas chuvas das últimas semanas. 

Amparo aos desastres naturais no Rio Grande do Sul

Vivendo uma forte seca, o município de Barracão, no Rio Grande do Sul, terá R$ 115,2 mil para a compra de cestas básicas.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.