PIS/2021 com o valor de R$ 1 mil segue disponível; veja como sacar

Segundo informações compartilhadas pelo Ministério do Trabalho e Previdência, 481 mil trabalhadores ainda não sacaram o abono salarial referente ao ano de 2021. Deste número, 155.923 têm direito ao Programa de Integração Social (PIS). A quantia ainda está disponível, mas com prazo determinado para acabar.

O PIS é um direito do trabalhador que atua em instituição privada, ou seja, sem vínculo com o funcionalismo público. E libera o abono salarial por meio da Caixa Econômica Federal.

Aqueles que trabalharam em 2019 por pelo menos 30 dias, puderam receber o benefício desde 2021. No entanto, como foi dito, mais de 155 mil pessoas ainda não fizeram o saque.

Para essa parte dos beneficiários, o valor ainda está disponível para recebimento, desde que seja enviada uma solicitação ao Ministério do Trabalho.

Quem tem direito ao PIS/2021?

Podem receber o abono salarial referente ao PIS/2021, aqueles que:

  • Receberam até dois salários mínimos em 2019;
  • Estavam cadastrados no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos;
  • Exerceram alguma atividade remunerada por, pelo menos 30 dias, em 2019;
  • Possuírem os dados atualizados na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS)/eSocial.

Neste ano de 2022 o pagamento também está sendo feito, no entanto, trata-se do abono para quem atuou durante o ano de 2020. Quem trabalhou no ano base 2021, deve receber a quantia apenas em 2023.

Essa mudança de programação no repasse dos valores tem haver com o aperto no orçamento da União devido a pandemia de Covid-19.

Como sacar o abono liberado no PIS 2021

O valor do PIS 2021 varia de acordo com o número de meses trabalhados em 2019. Quem atuou por 12 meses recebe a quantia cheia, equivalente a R$ 1.100. E quem trabalhou por 30 dias recebe o mínimo de R$ 92.

As quantias são referentes ao valor do piso federal do ano de 2021. Para saber o quanto vai receber basta aplicar ao cálculo:

  • Número de meses trabalhados x R$ 92 (piso do abono) = valor do PIS 2021.

O pedido para receber a quantia deve ser feito diretamente ao Ministério do Trabalho. Por meio dos canais:

  • Através da central Alô Trabalhador, ligando para o telefone 158;
  • Por e-mail, enviando o pedido ao endereço eletrônico “trabalho.uf@economia.gov.br”, e substituindo as letras “uf” pela sigla do estado onde o trabalhador mora.

O saque do abono PIS é liberado por meio da Caixa Econômica. Para receber basta comparecer a uma agência com um documento com foto, cartão cidadão, internet banking ou usando o Caixa Tem.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Lila Cunha
Lila Cunha é formada em jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Atua como repórter especial para o portal FDR. É responsável por selecionar as informações abordadas e garantir o padrão de qualidade das notícias veiculadas. Além disso, trabalha com apuração de hard news desde 2019, cobrindo o universo econômico em escala nacional.