O que é o PIB e como ele interfere no bolso do trabalhador? Entenda

Entra ano, saí ano, entra crise, saí crise, e a discussão sobre o PIB continua. Afinal, o que é o Produto Interno Bruto? Embora nem todos os cidadãos tenham ciência sobre a importância deste, você leitor pode acreditar que as mudanças neste índice tem influência direta na sua vida.

O PIB é utilizado como forma de medir o desempenho da economia no país. Conforme explica o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cabe ao Produto Interno Bruto indicar o volume de riqueza que é produzido em cada país.

No entanto, isso não significa que os dados mostram informações tão importantes como a renda dos cidadãos e sua qualidade de vida.

Em resumo é o PIB que indica a soma dos bens e produtos produzidos por um país, estado e até mesmo em uma cidade. O resultado equivale a um determinado período de tempo, e não representa a totalidade de riqueza que existe no país.

Para explicar minuciosamente, em entrevista a Folha de S. Paulo o IBGE explicou como é feita a contagem dos valores.

“Se um país produz R$ 100 de trigo, R$ 200 de farinha de trigo e R$ 300 de pão, por exemplo, seu PIB será de R$ 300, pois os valores da farinha e do trigo já estão embutidos no valor do pão”, exemplifica o IBGE.

Após a divulgação destes dados é possível analisar o desempenho da economia por trimestre ou a cada ano. O método de contagem passa por revisões, e ajuda a compreender inclusive como estão os demais países do mundo em questão econômica.

Como o resultado do PIB pode interferir na vida do brasileiro?

Apesar de não medir a qualidade de vida do cidadão, ou indicar por exemplo como está a renda em cada região, o resultado final do PIB tem impacto em todos os brasileiros. 

Isso porque, quando ele está elevado, a economia fica mais aquecida e as pessoas tendem a consumir mais. Logo, a Copom se vê obrigada a aumentar a taxa Selic que influencia em juros de financiamentos, empréstimos, entre outros.

Outro ponto a ser observado é que se o índice diminuí e mostra que a economia está caindo, as empresas têm menos chances de aumentar os salários dos seus servidores. Já que estão mais prejudicadas financeiramente.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Lila Cunha
Lila Cunha é formada em jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Atua como repórter especial para o portal FDR. É responsável por selecionar as informações abordadas e garantir o padrão de qualidade das notícias veiculadas. Além disso, trabalha com apuração de hard news desde 2019, cobrindo o universo econômico em escala nacional.