Deixou para a última hora? Confira o que fazer para conseguir entregar a declaração do IR a tempo

Nesta terça-feira (31), termina o prazo para enviar a declaração do Imposto de Renda 2022. Muitos contribuintes não isentos ainda não prestaram contas à Receita Federal. Caso esteja no grupo que deixou para a última hora, entenda o que fazer para conseguir entregar a declaração do Ir a tempo.

Deixou para a última hora? Confira o que fazer para conseguir entregar a declaração do IR a tempo
Deixou para a última hora? Confira o que fazer para conseguir entregar a declaração do IR a tempo (Imagem: Montagem/FDR)

Aproximadamente cinco milhões de contribuintes ainda não enviaram a declaração do Imposto de Renda ao Fisco, que estima receber 34,1 milhões de declarações neste ano.

Quem estiver obrigado a enviar o documento e não realizar até o fim do prazo, estará sujeito à multa. O preço da multa é de 1% ao mês, sobre o valor do IR devido, limitado a 20% do valor do IR. A quantia mínima da multa é de R$ 165,74.

O que fazer para conseguir entregar a declaração do IR a tempo

Onde fazer a declaração do Imposto de Renda?

A Receita Federal disponibiliza três plataformas para envio do documento:

  • Programa de computador: baixe e instale o programa do Imposto de Renda no computador para preencher e enviar o documento;
  • Declaração online: preencha e envie a declaração diretamente pela internet. Para acessar, será necessário ter uma conta gov.br com nível prata ou ouro de segurança;
  • Celular ou tablet: instale o aplicativo disponível no Google Play ou App Store para o preenchimento e envio pelo aparelho móvel.

De qualquer modo, vale destacar que a declarações online e para dispositivos móveis possuem algumas limitações, e algumas pessoas não poderão utilizar.

Como preencher a declaração do Imposto de Renda?

Estas são as modalidades de preenchimento da declaração:

  • Declaração pré-preenchida: caso você tenha uma conta gov.br nível prata ou ouro, está é a melhor opção. Comece sua declaração com diversos campos já preenchidos, com informação de fontes pagadoras, imobiliárias, médicos, entre outros;
  • Declaração com base na anterior: você também pode começar a preencher com base na sua própria declaração do ano anterior. Serão importadas informações como fontes pagadoras, bens e deduções — mas deverão ser atualizadas.
  • Declaração em branco: comece do zero. Durante o preenchimento, caso queira, você pode importar informações sobre rendimentos e deduções médicas pelo menu ‘Importar’ do programa do Imposto de Renda.

Detalhes finais antes do envio da declaração do Imposto de Renda

Antes de enviar a declaração, é importante se atentar aos detalhes finais:

1. Escolha o desconto

Depois do completo preenchimento da declaração, decida pela forma de desconto:

Os descontos legais levam em consideração suas despesas para reduzir o valor a ser pago de imposto.

Já o desconto simplificado aplica um único desconto padrão de 20% sobre os rendimentos).

2. Verifique o resultado

Quando o valor calculado de imposto a pagar for menor do que o imposto que já foi pago, você terá direito à restituição. Nesta hipótese, informe sua conta bancária ou Pix (CPF) para receber a restituição.

Por outro lado, quando o valor calculado de imposto for acima do que o imposto que já foi pago, você deve pagar imposto. Nesta situação, emita o Darf para fazer o pagamento.

Ainda é possível que a declaração não resulte nem em imposto a pagar, nem a restituir.

3. Consulte as pendências

No momento de enviar a declaração, o sistema pode apontar que há pendências:
Os erros são causados pela falta ou digitação incorreta de informações obrigatórias. Corrija a informação para enviar a declaração.

Os avisos significam que informações opcionais foram deixadas em branco. Os avisos significam que informações opcionais foram deixadas em branco. Os avisos não impedem o envio do documento, mas é recomendável completar as informações.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.