Crise econômica mundial está ‘rondando’; veja o que dizem os especialistas

Atualmente, a economia global vem enfrentando algumas dificuldades. Diante deste cenário, as previsões de crescimento mundial para este ano têm diminuído. Como consequência dessa crise econômica, o mundo pode entrar em recessão em breve.

publicidade
Crise econômica mundial está 'rondando'; veja o que dizem os especialistas
Crise econômica mundial está ‘rondando’; veja o que dizem os especialistas (Imagem: Montagem/FDR)

Segundo apurado pelo Valor, hoje, pelos menos quatro problemas afetam a economia mundial — enquanto ela retoma da pandemia de coronavírus:

  • As previsões de crescimento da China foram afetadas pelo surto da variante ômicron da covid-19;
  • O Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos) corre o risco de tornar uma forte expansão da economia americana em colapso;
  • As famílias da Europa passam por uma crise no custo de vida;
  • Cenário pior em diversos países emergentes.
publicidade

De acordo com o economista-chefe do Instituto Internacional de Finanças (IIf, na sigla em inglês), Robin Brooks, no momento, o mundo vem enfrentado outra ameaça de recessão. No entanto, ele destaca que “desta vez acreditamos que ela é real”.

As previsões de crescimento financeiro mundial para este ano vêm piorando. Em abril, o Fundo Monetário Internacional (FMI) estimava que o crescimento anual para 2022 seria de 3,6%. Esse número leva em conta tanto a retomada no segundo semestre de 2021 quanto as estimativas para este ano.

No entanto, quando o Fundo analisa o crescimento previsto ao longo deste ano, a previsão já diminuiu sua perspectiva de 4,5% em outubro do ano passado, para 2,5% em abril.

Crise econômica mundial pode acentuar no próximo ano

Nos EUA, o presidente do Fed, Jerome Powell, destacou que a entidade seguirá aumentando as taxas de juros até observar evidências de que a inflação está voltando para a meta de 2%.

Já na Europa, as novas estimativas da Comissão Europeia indicam uma forte diminuição na previsão de crescimento e aumento da perspectiva de inflação. Estes pontos implicam, no segundo semestre deste ano, estagflação.

O economista-global da consultoria Oxford Economics, Innes McFee, alega que existe poucas dúvidas de que a expansão econômica mundial está próxima de um pico, e vem desacelerando. Segundo ele, as autoridades precisarão calcular o nível de aperto que será preciso.

publicidade

Contudo, o economista afirma que, por enquanto, ainda é improvável uma recessão. Isso porque as autoridades ainda têm ferramentas para recuar — e estimular caso piorarem as coisas.

McFee acredita que os riscos de recessão sobem no próximo ano, mas não são tão altas neste momento.

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.