Segunda parcela do 13º salário do INSS volta a ser paga; veja quem recebe

Aposentados e pensionistas passam a receber o valor final do abono natalino. Nesta quarta-feira (25), o INSS voltou a pagar o 13º salário. Mediante a aprovação da antecipação, o benefício será integralmente encerrado no início de junho. Acompanhe o calendário e valores, abaixo.

Segunda parcela do 13º salário do INSS volta a ser paga; veja quem recebe (Imagem: FDR)
Segunda parcela do 13º salário do INSS volta a ser paga; veja quem recebe (Imagem: FDR)

O 13º salário do INSS normalmente só é concedido no segundo semestre. No entanto, diante do atual cenário de crise econômica, o Governo Federal optou por antecipar a liberação do abono para movimentar o PIB nacional.

Sua primeira parcela foi paga entre o fim de abril e início de maio, correspondendo a 50% do valor total do benefício. Já a segunda rodada final, com os demais 50%, será concedida ao longo dos próximos dias.

Calendário da segunda parcela do 13º salário do INSS para quem recebe até um salário mínimo

  • NIS final 1 – 25 de maio;
  • NIS final 2 – 26 de maio;
  • NIS final 3 – 27 de maio;
  • NIS final 4 – 30 de maio;
  • NIS final 5 – 31 de maio;
  • NIS final 6 – 1º de junho;
  • NIS final 7 – 2 de junho;
  • NIS final 8 – 3 de junho;
  • NIS final 9 – 6 de junho;
  • NIS final 0 – 7 de junho.

Calendário da segunda parcela do 13º salário do INSS para quem recebe até o teto do INSS

  • NIS final 1 e 6 – 1º de junho;
  • NIS final 2 e 7 – 2 de junho;
  • NIS final 3 e 8 – 3 de junho;
  • NIS final 4 e 9 – 6 de junho.
  • NIS final 5 e 0 – 7 de junho.

Veja como consultar o valor do seu 13º salário pelo Meu INSS

Para ter certeza da quantia e verificar os descontos aplicados pelo IRPF nessa segunda rodada, o cidadão pode fazer uma consulta através no Meu INSS. Basta seguir as etapas abaixo:

  • Entre no portal Meu INSS;
  • Clique em “Cadastrar senha”;
  • Você será redirecionado para a página do acesso único;
  • Clique em “Crie sua conta gov.br”;
  • Selecione uma das opções de cadastro (a mais comum é através do CPF);
  • Siga as próximas orientações para criar sua conta gov.br

É válido ressaltar que o 13º salário do INSS não tem um valor fixado, tendo em vista que o cálculo é feito com base na renda mensal de cada titular. Há quem possa receber apenas um salário mínimo e outros com um valor superior a R$ 8 mil.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.