Programa Bolsa do Povo: siga estes passos para receber o benefício

Lançado em maio de 2021, o programa Bolsa do Povo visa o atendimento de mais 500 mil famílias em situação de vulnerabilidade social no estado de São Paulo. A iniciativa reúne ações que já eram realizadas pelo governo, como o Renda Cidadã, o Bolsa Trabalho e o Aluguel Social, e cria novas, como o SP Acolhe, o Vale Gás e o Bolsa Empreendedor.

Confira a seguir, quais são os benefícios inclusos dentro do Bolsa do Povo e como é possível se cadastrar para receber cada um deles.

Renda Cidadã

O Renda Cidadã é um dos principais benefícios dentro do Bolsa do Povo. Através dele, famílias vulneráveis recebem uma parcela de R$ 100 por mês. Os critérios para seleção incluem:

  • Estar desemprego ou subempregado (trabalho informal ou “bicos”);
  • Ter baixa qualificação profissional;
  • Sem moradia ou com moradia precária;
  • Ser dependente químico;
  • Problemas de saúde.

Para começar a receber o Renda Cidadã, é necessário estar inscrito no CadÚnico. Os interessados devem buscar uma unidade do CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) para se inscrever no CadÚnico e saber se são elegíveis.

Vale Gás

O Vale Gás do governo de São Paulo paga R$ 100 a cada dois meses, sendo três parcelas no total. Para receber o benefício, é preciso ter renda per capita de até R$ 178 por mês.

Você pode consultar nesta página se tem direito ao Vale Gás.

SP Acolhe

O SP Acolhe paga 6 parcelas de R$ 300 (totalizando R$ 1.800) para famílias carentes que perderam um membro devido à Covid-19.

Para participar, é preciso estar inscrito no CadÚnico e ter renda familiar de até 3 salários mínimos (R$ 3.636). O parente falecido por Covid-19 deve fazer do núcleo familiar, podendo ser mãe, pai, filho ou cônjuge/parceiro.

Auxílio Moradia

O Auxílio Moradia do estado de São Paulo é destinado às famílias que perderam suas residências devido à desastres naturais, como enchentes e deslizamento de encostas, ou por intervenções urbanas.

Para obter mais informações sobre o benefício e se cadastrar, o cidadão deve procurar a CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo).

Outras ações

O Bolsa do Povo também reúne ações nas áreas de trabalho e empreendedorismo, saúde e educação. Com relação à inserção no mercado de trabalho e o estímulo ao empreendedorismo, são oferecidas as seguintes ações:

  • Ação Jovem
  • Bolsa Empreendedor
  • Via Rápida
  • Bolsa Auxílio – Novotec Expresso
  • Prospera Jovem
  • Bolsa Talento Esportivo
  • Prospera Família

Já no eixo da educação, o Bolsa do Povo conta com as seguintes ações:

  • Contratação de pais e responsáveis para auxiliar na rede pública de ensino, com remuneração de até R$ 500 por mês.
  • Bolsas de R$ 1 mil para alunos do ensino público, para evitar a evasão escolar. Inscreva-se aqui.

Por fim, o Bolsa do Povo conta com ações no eixo saúde:

  • Contração de estudantes das áreas de saúde e biológica para atuar em unidades de saúde, com bolsas de até R$ 750 por mês.
  • Viva Leite: distribuição gratuita de 15 litros de leite por mês para crianças e idosos em situação de vulnerabilidade.
  • VidAtiva: estímulo à prática esportiva por idosos.

Mais informações sobre as diversas ações e benefícios do Bolsa do Povo podem ser encontradas no site do programa, pelo WhatsApp (11 98714 2645) ou na Central de Atendimento (0800 7979 800).

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Amaury Nogueira
Amaury da Silva Nogueira é bacharelando em Letras/Edição pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Apaixonado pelo universo da escrita, atua há dois anos como redator e realiza pesquisas sobre história da edição no Brasil. Além disso, atualmente pesquisa também sobre direitos e benefícios sociais para agregar conhecimento na redação do portal de notícias FDR.