PIS/PASEP: três novos saques devem ser realizados até o fim do ano

Governo Federal deverá fazer mais três repasses pelo abono salarial. Os trabalhadores devem ficar atentos aos depósitos do PIS/PASEP. Até o fim do ano, o benefício poderá ser concedido em três modalidades destintas. No entanto, exige-se o cumprimento dos critérios de concessão. Confira.

PIS/PASEP: novos três saques devem ser realizados até o fim do ano (Imagem: FDR)
PIS/PASEP: novos três saques devem ser realizados até o fim do ano (Imagem: FDR)

O abono salarial funciona como uma espécie de salário extra destinado aos cidadãos que estão vinculados ao mercado de trabalho. Para ter acesso é preciso atuar como CLT ou servidor público, desde que haja comprovação das atividades exercidas.

Normalmente, o PIS/PASEP só é pago uma vez ao ano. Porém, com a suspensão do repasse em 2021, há três depósitos previstos até o mês de novembro.

Abono salarial ano base 2020

Esse depósito é referente ao tempo de trabalho exercido em 2020. Ou seja, já teve seu calendário concluído pelo governo. Quem ainda não fez a retirada, tem até o fim do ano para usar a quantia. Após esse período, a mensalidade é retida pelo poder público.

De acordo com a Caixa, há cerca de 561,073 trabalhadores que ainda não resgataram o equivalente total de R$ 523,2 milhões.

Para saber se tem direito ou não ao benefício, basta consultar realizando as etapas abaixo:

  • Baixe o aplicativo da Carteira de Trabalho no seu celular, (clique aqui para baixar para Android e aqui para iPhone);
  • Abra o aplicativo;
  • Acesse sua conta com seu cpf e senha do gov.br ou cadastre sua senha;
  • Busque pela opção “Benefícios”;
  • Em seguida, basta apenas clicar em “Abono Salarial”.

Abono salarial ano base 2019

Outro valor também em concessão é o PIS/PASEP para quem trabalhou em 2019. Nesse caso, exige-se o cumprimento dos seguintes critérios:

  • Estar cadastrado no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos em 2019;
  • Ter recebido remuneração mensal de até dois salários mínimos durante o ano-base de 2019;
  • Ter exercido atividade remunerada por, pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base de 2019;

Para consultar se tem direito ou não, o cidadão pode recorrer aos canais de atendimento abaixo:

  • Central telefônica Alô Trabalhador nº 158;
  • Através de um pedido por e-mail, pelo endereço uf@economia.gov.br, substituindo as letras ‘uf’ pela sigla do estado em que reside;
  • Pelo aplicativo Carteira de Trabalho Digital (CTPS).

Cotas do fundo PIS/Pasep

Por fim, há ainda os repasses referentes as cotas de fundo. Ele é destinado aos trabalhadores, servidores públicos e ex-militares que estiverem em atuação entre 1970 até 4 de outubro de 1988.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.