Mudar de endereço para conseguir cartão de crédito? Tática pode dar resultado; saiba mais

Ter um cartão de crédito é uma necessidade para grande parte das pessoas. O cartão traz facilidades como parcelamento, descontos, milhas e muito mais. Mas e se você precisasse mudar de endereço para conseguir um?

O estudante Victor Vargas contou ao portal Valor Investe que conseguiu, após dois anos tentando, um cartão de crédito no ano passado, porém com um limite baixo. Porém, ele só conseguiu um aumento de limite ao mudar de endereço.

Victor relatou que ao mudar de endereço, ele e seus familiares atualizaram as informações de cobrança, como endereço e contas. Com isso, o cadastro no banco em que Victor mantinha conta também foi atualizado. 

Logo na sequência, o banco foi aumentando seguidamente o valor do cheque especial de Victor de R$ 3 mil para R$ 20 mil, a cada 4/5 dias, mesmo sem ele ter mudado em nada o seu “relacionamento com o banco” e nem mesmo nenhum perfil que justificasse, como um aumento de renda. A única coisa que Victor fez foi mudar de endereço. Além disso, Victor relatou ao portal Valor Investe que ficou chocado com a quantidade de ofertas de financiamento e empréstimos que não paravam de chegar da instituição.

Com isso, Victor entrou em contato com outras duas fintechs que haviam negado crédito a ele. Ambas o aceitaram de imediato e liberaram o crédito.

Em sua visão, esta situação não é algo isolado. “Muitas pessoas são invisibilizadas simplesmente por morarem nas periferias ou longe de bairros valorizados, e isso não é certo porque as pessoas também precisam desse crédito para fazer planos e comprar coisas que elas querem. Isso é muito injusto, pois o banco pressupõe que você não tem condições de pagar os seus gastos porque você mora na periferia e isso não é verdade”, disse ele.

O Valor Investe contatou os bancos Neon, Itaú e Nubank para entender os critérios de análise utilizados por eles. 

Alexandre Zaia, chefe de crédito do Neon, disse que o banco usa inteligência de aprovação que analisa informações de mercado como, histórico de restrições, nota de crédito, relação com outras instituições e demais informações internas.

Ele disse ainda que a localidade não interfere na concessão dos serviços da fintech, pois é possível ter acesso ao crédito no Neon sem o cartão físico.

O Itaú disse apenas que “a política de concessão de crédito e limite dos cartões de crédito do Itaú Unibanco varia de acordo com o produto contratado e perfil de cada cliente”.

Por fim, o Nubank afirma não existir nenhum impeditivo para solicitar um cartão de crédito.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.