INSS: o que sabe até agora sobre o 14º Salário?

Segurados do INSS seguem aguardando promessa de concessão do 14º salário do INSS. Nos últimos meses, o governo federal vem debatendo a possibilidade de pagar um abono extra pela previdência. A medida, no entanto, tem sido barrada sob a justificativa de falta de verba. Entenda.

INSS: o que sabe até agora sobre o 14º Salário? (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)
INSS: o que sabe até agora sobre o 14º Salário? (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)

A liberação de um 14º salário pelo INSS é um assunto em pauta desde o ano de 2020. Com a primeira antecipação do abono natalino, parlamentares passaram a questionar a necessidade de manter uma mensalidade extra no mês de dezembro, no entanto, sua consolidação vem sendo barrada.

Andamento do 14º salário do INSS

No último dia 09 de março, o texto que concede o pagamento passou por uma nova modificação. O PL nº 4367/20, de autoria do deputado Pompeo de Mattos (PDT-RS), teve andamento na Câmara dos Deputados, mas precisa ser sancionado por uma série de instancias políticas internas da casa, antes de ser encaminhado para o Senado Federal.

De modo geral, é preciso que o projeto seja aprovado em dois turnos na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, além de receber a sanção do presidente da República. Até o momento não há uma previsão para o desfecho e veredito final.

É válido ressaltar que, apesar do interesse de parte da Câmara, o texto vem sendo reprovado por Bolsonaro. Segundo o chefe de estado, a medida iria afetar a contabilidade pública. Porém, com as eleições presidenciais no fim do ano, espera-se que ele use o 14º salário como estratégia para garantir novos votos.

Calendário do 13º salário do INSS

Primeira parcela para quem recebe um salário mínimo (R$ 1.212):

Final do benefício 1 – 25/4
Final do benefício 2 – 26/4
Final do benefício 3 – 27/4
Final do benefício 4 – 28/4
Final do benefício 5 – 29/4
Final do benefício 6 – 2/5
Final do benefício 7 – 3/5
Final do benefício 8 – 4/5
Final do benefício 9 – 5/5
Final do benefício 0 – 6/5

Primeira parcela para quem ganha acima do salário mínimo:

Final do benefício 1 e 6 – 2/5
Final do benefício 2 e 7 – 3/5
Final do benefício 3 e 8 – 4/5
Final do benefício 4 e 9 – 5/5
Final do benefício 5 e 0 – 6/5

Segunda parcela para quem recebe salário mínimo:

Final do benefício 1 – 25/5
Final do benefício 2 – 26/5
Final do benefício 3 – 27/5
Final do benefício 4 – 30/5
Final do benefício 5 – 31/5
Final do benefício 6 – 1º/6
Final do benefício 7 – 2/6
Final do benefício 8 – 3/6
Final do benefício 9 – 6/6
Final do benefício 0 – 7/6

Segunda parcela para quem recebe acima do salário mínimo

Final do benefício 1 e 6 – 1º/6
Final do benefício 2 e 7 – 2/6
Final do benefício 3 e 8 – 3/6
Final do benefício 4 e 9 – 6/6
Final do benefício 5 e 0 – 7/6

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.