Bolsa de Valores: Empresa desiste pela 19ª vez de oferta de ações; saiba qual é

A empresa Alphaville, que trabalha na criação de bairros planejados e condomínios fechados, teve o pedido de oferta ampla de ações negado pela CVM (Comissão de Valores Mobiliários), por conta de pendências. A empresa, na prática, desistiu de novo de fazer sua estréia na bolsa para o investidor de varejo. 

Atualmente, a empresa possui negociações na bolsa de valores brasileira, B3, com o código AVLL3 por conta de uma abertura de capital com esforços restritos feita em novembro de 2020 e que movimentou um montante de R$700 milhões. 

A operação aconteceu após a empresa tentar realizar uma IPO (Oferta Pública Inicial) ampla em novembro e não conseguir em decorrência de uma “conjuntura de mercado desfavorável”. 

Somente neste ano, 19 empresas já desistiram de abrir capital. São elas: Cerradinho Bioenergia, CSN Cimentos, Datora, VIX Logística, Verzani & Sandrini, Monte Rodovias, Ammo Varejo, Bluefit Academias, Madero, Dori Alimentos, Environmental ESG, Vero Internet, ISH Tech, Coty, Claranet, Fulwood, Cencosud e Cantu Store. 

A Alphaville

Alphaville Urbanismo, controlada pela Alphaville S.A., é reconhecida pelos criação de loteamentos urbanos e condomínios fechados para as classes média e alta.

A empresa foi fundada  em 1973, quando o engenheiro Renato Albuquerque se uniu ao amigo e sócio Yojiro Takaoka para criar o primeiro centro empresarial do Brasil para indústrias não poluentes.

Os dois perceberam que quem passou a trabalhar ali precisava de moradias mais próximas da região. As pessoas queriam mais qualidade de vida, e assim surgiu o Alphaville Residencial. Assim, o condomínio tornou Barueri (SP) um polo econômico, consolidando um conceito de urbanismo sustentável que se espalhou pelo país.

Com projeto urbanístico dos arquitetos José de Almeida Pinto e Reinaldo Pestana, o Alphaville era a realização de uma verdadeira cidade planejada, com jardins, avenidas, ruas, canteiros e calçada em 500 hectares de terra. Assim, em quatro décadas o projeto se tornou um grande bairro, sendo o motor econômico da cidade de Barueri.

A idéia de criar loteamentos urbanos extrapolou o Estado de São Paulo e ao longo dos anos a Alphaville expandiu-se pelo país. Hoje está presente em 23 estados e em mais de 70 cidades do país. Já lançou mais de 130 empreendimentos em 60.000 lotes espalhados pelo país.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.