Descubra se você terá direito a receber o novo saque de R$ 1.000 do FGTS

Desde que o ministro da Economia Paulo Guedes comentou sobre a intenção do governo de liberar o saque do FGTS, muitos têm procurado entender melhor a questão. Afinal, o saque será liberado mesmo? Quando ocorrerá? E quem poderá sacar? Esclarecemos essas dúvidas a seguir.

De fato, já há consenso quanto à liberação do saque do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço este ano. Acredita-se que o anúncio será feito na próxima semana, em uma cerimônia específica para isso. A medida tem o intuito de estimular a economia, num ano em que o PIB deve diminuir e a inflação deve continuar alta.

Além disso, 2022 é ano de eleição presidencial, tema que, obviamente, interessa muito ao presidente Bolsonaro. Ele já vem anunciando desde o ano passado medidas para aliviar a situação econômica do país, como o Auxílio Brasil e cortes de impostos, visando um aumento na popularidade.

O saque do FGTS terá valor máximo de R$ 1.000. Poderão acessar o recurso os trabalhadores que tem saldo em conta ativa (emprego atual) ou em contas inativas (empregos anteriores).

As demais regras ainda não foram reveladas. Não se sabe sequer as datas em que o saque poderia ocorrer, ou se haveria a liberação de crédito usando recursos do FGTS, como aconteceu em 2020.

Naquela ocasião, o saque foi liberado devido à pandemia de Covid-19. Foi possível solicitar o recurso através do app do FGTS e movimentar o dinheiro pelo app Caixa Tem.

Outras formas de usar dinheiro do FGTS

Os trabalhadores, no entanto, não precisam esperar pela liberação do saque de R$ 1.000 para ter acesso aos recursos do FGTS. Existem, atualmente, outras duas opções.

Uma é o saque-rescisão, que é liberado quando o trabalhador é demitido sem justa-causa. Nesse caso, o trabalhador tem acesso ao valor integral do FGTS, mais uma multa de 40% sobre o valor total do fundo (considerando valores que já foram sacados).

Outra opção é o saque-aniversário. Nessa modalidade, o trabalhador pode sacar uma parcela do FGTS no mês em que faz aniversário. O valor varia conforme o saldo do fundo, que precisa ser de no mínimo R$ 500. A adesão ao saque-aniversário é feita pelo app FGTS e o dinheiro fica disponível por três meses.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Amaury Nogueira
Amaury da Silva Nogueira é bacharelando em Letras/Edição pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Apaixonado pelo universo da escrita, atua há dois anos como redator e realiza pesquisas sobre história da edição no Brasil. Além disso, atualmente pesquisa também sobre direitos e benefícios sociais para agregar conhecimento na redação do portal de notícias FDR.