FGTS: prazo para revisão do benefício está aberto; saiba como realizar

Segurados do FGTS já podem solicitar as revisões de seus benefícios. Nessa semana, o Banco Central abriu seu sistema de consultas para que a população possa conferir se têm quantias retidas. Além disso, quem estiver vinculado ao fundo de garantia desde 1999 pode entrar com um pedido de reajuste. Saiba como realiza-lo.

FGTS: prazo para revisão do benefício está aberto; saiba como realizar (Imagem: FDR)
FGTS: prazo para revisão do benefício está aberto; saiba como realizar (Imagem: FDR)

A revisão do FGTS nada mais é do que um novo cálculo aplicado ao saldo do fundo de garantia que tem como finalidade aumentar os valores recebidos por quem está no programa antes de 1999. Esse grupo tem direito a um acréscimo com base na correção monetária ao longo dos últimos anos.

Até quando posso solicitar a revisão do FGTS?

O procedimento deve ser feito diretamente na justiça. Isso implica dizer que o prazo até o pagamento depende do julgamento do STF. No entanto, a votação acontece ainda neste ano, mas não apresenta uma data pré-determinada.

Como solicitar a revisão do FGTS?

Para dar entrada no pedido de revisão é preciso entrar com um processo por meio dos Juizados Especiais Federais até o limite de 60 salários mínimos, cerca de R$72 mil. O procedimento, apesar de exigir um acompanhamento legal, é simples e não querer a presença de um advogado.

Basta reunir a documentação de identificação pessoal e sinalizar o interesse do reajuste. Depois, deve aguardar o andamento do processo pelo Juizado Especial Federal da sua região. Quando validado, você será notificado para se certificar dos valores a serem recebidos.

Consulta de saldo pelo FGTS

Se você deseja conferir o atual sado retido nas suas contas ativas e inativas do seu fundo de garantia, basta seguir as etapas abaixo:

  • Na loja de aplicativos do seu celular, busque FGTS. Clique em instalar e abra o aplicativo.
  • Selecione a opção “Cadastre-se”
  • Preencha todos os dados solicitados: CPF, Nome Completo, Data de Nascimento, E-Mail e cadastre uma senha de acesso
  • A senha deve ser numérica, com seis dígitos. Para quem já usava o Aplicativo, pode repetir o mesmo número de senha que usava antes.
  • Depois de incluir seus dados, clique no botão “Não sou um robô”.
  • Você vai receber um e-mail de confirmação no endereço de e-mail informado por você. Acesse-o e clique no link que foi enviado.
  • Após o cadastramento, abra o APP e informe o “CPF” e “Senha” cadastrada.
  • Após o Login, aparecerão algumas perguntas adicionais sobre a sua vida funcional.
  • Após responder essas perguntas você deve ler e aceitar as condições de uso do Aplicativo, clicando em concordar.
  • Pronto, agora você já pode usar o APP FGTS e desfrutar de todas as novidades

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestra em ciências da linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo na mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.