Relógios em NFT são vendidos pelo mesmo preço de um Rolex; saiba mais

Pontos-chave
  • Até os relógios estão indo para o mundo de NFTs;
  • Esse mundo digital são animações em 3D;
  • Os relógios são vendidos por um valor alto.

O cidadão de Chicago, Jesus Calderón, de 29 anos gosta muito de relógios, é um entusiasta de criptomoedas e designer de gráficos em movimento. Nos últimos anos, ele convergiu essas duas esferas para estabelecer um mercado de relojoaria NFT, onde projeta e vende relógios virtuais sob a bandeira da Generative Watches.

Esses relógios existem como paródias que são renderizadas digitalmente nos relógios Rodex Daitona e Rodex Bitmariner. 

Calderón, projeta as animações em 3-D com a ajuda de um algoritmo e carrega o produto, um JPG ou GIF, em sua loja, onde os entusiastas pagam generosamente por eles em uma forma abstrata de moeda.

Atualmente, um relógio feito de pixels que você armazena em seu disco rígido e exibe nas redes sociais pode comandar tanto quanto um Rolex Submariner. 

A ideia de Calderón foi criar oportunidade para modelos completamente diferente do que estamos acostumados a ver, que seja fora dos padrões que as grandes marcas de relógio entregam.

Atualmente, ele disse que está escolhendo as peças que as pessoas mais reconhecem. Isso seria relógios como o Submariner ou Daytona, Speedmaster e o Day-Date. 

A ideia de focar nessas grandes peças é para obter mais visibilidade.

Atualmente, a empresa de Calderón tem peças mais facilmente reconhecidas pelos públicos de relógio. Segundo o fundador, a ideia é focar em objetos de mais conhecidos para obter mais visibilidade. Para ele, o futuro dos NFTs e metaverso vai criar muito dinheiro real.

Venda de R$111 mil

Jesus explicou como seu software 3D e seu algoritmo ajudam na hora de transformar os relógios. “No meu software 3-D existe o que é chamado de renderizador. E esse é basicamente o programa que está calculando a maneira como a luz está interagindo com os materiais. Este é todo vidro praticamente translúcido, e o computador está demorando para dizer: Ok, aqui está toda a luz. Como está passando por isso, saltando para fora do material? E quais são as propriedades do material? Em seguida, ele cospe uma imagem final. Portanto, cada um desses relógios tem 200 quadros e cada um leva tempo para renderizar. Portanto, em 1080 x 1080 pixels, o tempo total de renderização foi de seis horas. Há um valor real tangível lá em termos de cada hora que estou renderizando está me custando tempo e dinheiro com eletricidade”, afirma explicando todo seu processo de criação.

Até o momento, foram 68 modelos vendidos por US$ 700, cerca de R$ 3,8 mil. Porém, uma pessoa conseguiu um modelo gratuito, quando Calderón estava começando, e revendeu no mercado de NFT por US$ 20 mil  ou R$ 111 mil.

O que são NFTs?

O NFT é a sigla para o termo non fungible token, ou “token não fungível”. Estes,são tokens, ou seja, códigos numéricos com registro de transferência digital que garantem autenticidade aos seus donos. 

Assim, eles funcionam como itens colecionáveis, que não podem ser reproduzidos, mas sim transferidos. Diferente das criptomoedas, como o Bitcoin, e vários tokens utilitários, os NFTs não são mutuamente intercambiáveis. 

Os NFTs podem realmente ser qualquer coisa digital, mas muito do “hype” gira em torno da arte digital. Esses podem representar virtualmente qualquer tipo de item, seja ele real ou intangível, incluindo:

– Trabalhos artísticos;

– Itens virtuais dentro de videogames, como skins, moedas digitais, armas e avatares;

– Música;

– Colecionáveis, como cards digitais;

– Ativos do mundo real tokenizados, desde imóveis e carros a cavalos de corrida e tênis de marcas famosas;

– Terrenos virtuais;

– Vídeos de momentos icônicos do esporte.

Essa digitalização de arte conquistou diversos adeptos e o mercado de NFT explodiu com mais de US$400 milhões movimentados apenas nos primeiros meses de 2021. 

O que pode ser uma NFT?

Os quadros físicos e digitais, músicas, itens de jogos, memes, fotos de momentos do esporte, domínios de sites, vídeos e até posts em redes sociais podem virar tokens não fungíveis.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.