Quais são os riscos do metaverso? Confira dicas de como se proteger

O metaverso foi um tema de destaque no ano de 2021 e a tendência é que a tecnologia continue a pautar discussões. Para muitos, o assunto é uma novidade e dúvidas quanto aos riscos gerados pela tecnologia podem surgir. Confira as dicas e saiba como se proteger.

publicidade

Após a mudança de nome do Facebook para Meta, a empresa de Mark Zuckerberg tornou o Metaverso um dos assuntos mais comentados com sua pretensão de tornar avanços na tecnologia possíveis em poucos anos.

O que é o metaverso?

A concepção atual do termo metaverso implica em uma ambiente virtual em que será possível a interação por meio de avatares em uma realidade virtual. Atividades como se comunicar, fazer compras e trabalhar serão comuns na realidade.

A ideia central de metaverso não é bem uma novidade, tendo surgido em 1992, com o livro “Snow Crash”, obra de Neal Stephenson que mistura realidade e ficção. Nos últimos anos, a tecnologia vem sendo discutida com ambientes virtuais como Fortnite e Minecraft que se popularizaram reunindo jogadores em mesmas instâncias para interação e compartilhamento de experiências.

publicidade

O metaverso oferece riscos?

A Kaspersky, empresa russa que atua na elaboração de softwares de segurança, compartilhou orientações para que usuários saibam lidar com os riscos do metaverso, confira alguns dos riscos e como se proteger das ameaças:

  • golpes de engenharia social- Atenção ao catfish (quando uma pessoa cria uma identidade falsa nas redes sociais) e aos stalkers. Saiba sempre com quem você está em contato no metaverso e ao reconhecer uma perseguição, denuncie. 
  • problemas ligados ao blockchain- As informações e posses no metaverso deverão ser registradas por meio de blockchains descentralizadas para que seja possível a privacidade das transações e dos usuários, aumentando a segurança. O problema está em caso mesmo assim ocorra o roubo de dados, recuperá-la será difícil.

             Por isso, recomenda-se que os cuidados sejam os mesmo tidos com                         carteiras de criptomoedas, a dica vale para o cenário atual do metaverso:                 não compartilhe seus dados com estranhos e acesse o metaverso através               de máquinas confiáveis.

  • roubo de identidade– O login para plataformas de metaverso são idealizados como extensão das redes sociais, sendo assim, um roubo de conta pode ocasionar no uso da sua identidade virtual por parte dos criminosos que podem realizar diversos tipos de fraudes.

             Outro alerta cabe também a possibilidade de roubo de dinheiro,                                 informações pessoais como dados bancários e até mesmo itens raros de               jogos. Utilizar a autenticação de dois fatores e senhas fortes são                               precauções que devem ser tomadas para evitar os transtornos.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

  • privacidade- Postar informações confidenciais, como alguns de seus dados pessoais, é um grande risco dentro e fora do metaverso. Tornar seus dados privados para contatos é uma maneira de vivenciar a experiência de forma segura.
publicidade

 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Hannah Aragão
Hannah Aragão é graduanda em jornalismo pela Universidade Federal de Pernambuco, a UFPE. Atuou em diversas áreas da comunicação, passando por assessoria, endo marketing, comunicação estratégica e jornalismo impresso. Atualmente, se dedica ao jornalismo online na produção de matérias para o portal FDR.