Empresa é a primeira do mundo a ser avaliada em US$ 3 tri; saiba qual é

A gigante da tecnologia, Apple, se torna a primeira empresa no mundo a ser avaliada em US$ 3 trilhões. O início de 2022 representa mais um momento histórico para a marca, já que na tarde desta segunda-feira, 3 de janeiro, a Apple atingiu o valor recorde de mercado já alcançado por uma empresa.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

A marca foi alcançada em cerca de um ano e quatro meses depois de chegar aos US$ 2 trilhões. O acontecimento é um marco inédito e mais um dos grandes feitos da empresa cofundada por Steve Jobs. A Apple é fabricante do iPhone e de outros produtos considerados best seller no mercado de eletrônicos.

Na tarde do último dia 3, as ações foram negociadas a 182,856 dólares, o que representa uma alta de 3%, a cotação máxima do dia foi de 182,88 dólares. Durante o fechamento, a ação caiu para 182,01 dólares, mas ainda com ganho diário de 2,5%.

Clube dos 2 trilhões

A conquista da Apple de alcançar os US$ 3 trilhões chegou pouco mais de um ano e quatro meses depois da empresa entrar para o seleto grupo dos 2 trilhões de dólares. 

publicidade

O “clube dos 2 trilhões” tem atualmente como líder a Microssoft, a segunda empresa mais valiosa do mundo com mais de 400 bilhões de dólares atrás da Apple. As outras empresas que superaram a marca de 1 trilhão de dólares em valor de mercado são: Alphabet (holding do Google), Amazon e a Tesla.

Como explicar o sucesso?

De acordo com especialistas, a Apple segue em processo de ascensão por ter conseguido ampliar as vendas do seu principal produto, o iPhone, que teve seu modelo mais novo recentemente lançado, o iPhone 13, além de crescer com outros produtos e serviços. No terceiro semestre de 2021 encerrado em setembro, o mais recente divulgado, as vendas de iPhones cresceram em 47%.

A Apple também possui uma visão ampla do mercado, se preparando para o futuro com novos aparelhos de realidade aumentada e virtual, além de investir em carros autônomos.

A empresa alcançou a marca de 1 trilhão de dólares em agosto de 2018, dois anos depois chegou aos 2 trilhões e em menos tempo atingiu a marca inédita de US$ 3 trilhões. A valorização das ações acelerou em pouco anos e recompensou seus investidores, como exemplo do bilionário Warren Buffet.

 

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Hannah Aragão
Hannah Aragão é graduanda em jornalismo pela Universidade Federal de Pernambuco, a UFPE. Atuou em diversas áreas da comunicação, passando por assessoria, endo marketing, comunicação estratégica e jornalismo impresso. Atualmente, se dedica ao jornalismo online na produção de matérias para o portal FDR.