Tudo de novo? Ações da CVC (CVCB3) têm maior queda desde o lockdown

Nesta terça-feira (4), as ações da CVC (CVCB3) tinham registrado a maior redução desde a decretação do lockdown, em 2020. No fechamento, os papéis da empresa tiveram queda de 6,53%, a R$ 12,94. Já nesta quarta-feira (5), houve uma diminuição percentual maior de 6,98%, a R$ 11,19.

publicidade

Um conjunto de notícias vem impactando o setor de turismo. Diante do avanço da vacinação contra a covid-19, existiu um otimismo sobre a retomada da atividade mundial. No entanto, a nova variante da doença, a ômicron tem aumentando as preocupações.

Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), no período de nove dias, foram registrados 798 casos de covid-19 em cinco navios de cruzeiro que operam no Brasil. Por conta disso, a agência destacou a importância da suspensão provisória da operação destes transportes.

Nesta segunda-feira (3), a Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Clia Brasil) anunciou a suspensão de suas operações no país. A medida vale até o dia 21 deste mês.

publicidade

Ao TradeMap, o analista da Levante Investimentos, Enrico Cozzolino, afirma que isso acaba impactando bastante a CVC. O motivo é que há uma dúvida sobre como será a propagação da variante no Brasil.

O analista também destaca que a CVC possui uma dívida elevada. Outro fator citado é o cenário macroeconômico, com alta da inflação e na taxa básica de juros — que afeta o crédito e poder de compra da população.

Perspectiva sobre as ações da CVC

Ao Money Times, o estrategista de equity da Genial Investimentos, Filipe Villegas, afirma que o momento não é favorável para a compra de papéis da CVC.

Ele declara que o cenário atual tem sido de alta de juros nos Estados Unidos. Já no Brasil, este é um ano eleitoral, o que resulta em muita volatilidade. Ao mesmo passo, o estrategista alega que o país vive com o panorama inflacionário e de pouca estimativa de crescimento econômico.

Sendo assim, conforme ele, tudo converge para a CVC não ser uma ação de compra recomendada”. O motivo é que “ela depende de todo o oposto que a gente espera que aconteça nesse primeiro semestre”.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

No entendimento de Villegas, a recomendação da CVC pode acontecer apenas caso, em algum momento, o mercado inverta as projeções e em um cenário pós-eleição positivo.

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.