Bitcoin não está na lista! Confira as 5 criptomoedas que mais valorizaram em 2021

Apesar de serem mais conhecidas e terem qualidade, as moedas digitais bitcoin e ethereum ficaram de fora do ranking de 5 criptomoedas que mais se valorizaram em 2021. Mesmo considerando as altas respectivas de 63% e 387%, as duas moedas perderam de lavada para as altcoins, que conseguiram crescer quase cem vezes mais. 

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

Estas criptos que estão ligadas especialmente a jogos, design de blockchain e metaverso, obtiveram lucros altíssimos para os investidores.

É importante ressaltar que esta lista preparada pelo portal SeuDinheiro não se trata de indicações de investimentos e é um mercado de risco alto. Por conta disso, caso queira investir, é recomendável colocar uma pequena parte de seu patrimônio nelas. Confira:

Axie Infinity (AXS)

Registrando uma alta de mais de 17.700% no último ano, a moeda é um jogo do tipo play-to-earn, ou jogue para ganhar em português, e significa exatamente isso: o investidor recebe o dinheiro enquanto joga. 

publicidade

Já existem cerca de dois milhões de jogadores ativos e a cripto segue em alta. Isto pois a tecnologia da blockchain permite que o jogador receba um criptoativo, o SLP, ao passo  que avança no game.

Após isso, a cripto pode ser trocada por outra criptomoeda ou por dinheiro. 

The Sandbox (SAND)

Liderando a valorização em 2021, esta moeda é uma das principais criptos ligadas ao metaverso, registrando uma valorização de cerca de 14.000% no ano. É possível dizer que se trata de um “latifúndio virtual”, onde o espaço é separado em terrenos que podem ser adquiridos.

Terra (LUNA)

A moeda ligada a pagamentos cresceu cerca de 10.000% em 2021 e tem a intenção de virar o meio de pagamento principal do ambiente digital e se diferenciar das chamadas stablecoins, criptomoedas com lastro em ativos reais.

Solana (SOL)

A moeda que é uma das principais concorrentes do ethereum no mercado, é um protocolo de destaque que otimiza a negociação de finanças descentralizadas, as chamadas DeFis. A blockchain da SOL também possibilita o desenvolvimento de aplicativos descentralizados, chamados de DApps.

A alta procura por NFTs, os tokens não fungíveis, impulsionou a alta da moeda.

publicidade

Avalanche (AVAX)

Diferente de outras blockchains, como a Polkadot (DOT) e a Solana (SOL), esta moeda é o que se chama de resolução de primeira camada (em inglês layer one ou 1L), sinto é, os projetos são cridos no ecossistema da Avalanche.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.