IPVA 2022 Goiás: Calendário de pagamentos do imposto já foi divulgado; confira

Moradores de Goiás devem ficar atentos ao calendário do IPVA em 2022. Na última semana, a Secretaria de Estado da Economia divulgou as datas de cobrança do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). A primeira parcela deve ser quitada a partir do dia 28 de janeiro, com possibilidade de descontos. Acompanhe.

IPVA 2022 Goiás: Calendário de pagamentos do imposto já foi divulgado; confira (Imagem: FDR)
IPVA 2022 Goiás: Calendário de pagamentos do imposto já foi divulgado; confira (Imagem: FDR)

O fim do ano chegou e isso implica dizer que haverá uma nova rodada de cobranças referentes ao IPVA. Para quem mora em Goiás, o calendário de pagamentos foi recentemente divulgado e permitirá o parcelamento do imposto em até três meses.

A primeira cobrança será aplicada no dia 28 de janeiro, através da cota única. Quem desejar ter descontos de até 10% deverá sanar os débitos ainda na primeira rodada. Já para aqueles que optarem pelo parcelamento, ele ocorrerá entre fevereiro e março.

Calendário de pagamento do IPVA em 2022

É válido ressaltar que o pagamento do IPVA acontece a partir do número final da placa do veículo. Ou seja, para acompanhar as datas das cobranças basta monitorar os calendários abaixo:

Datas de pagamento da cota única ou da primeira parcela

  • 1:  28 de janeiro;
  • 2: 4 de fevereiro;
  • 3: 4 de março;
  • 4: 6 de abril;
  • 5: 6 de maio;
  • 6: 7 de junho;
  • 7: 6 de junho;
  • 8: 5 de agosto;
  • 9: 9 de setembro;
  • 0: 30 de setembro.

Datas de pagamento da segunda e terceira parcela

  • 1: 25 de fevereiro e 25 de março;
  • 2: 4 de março e 6 de abril;
  • 3: 6 de abril e 6 de maio;
  • 4: 6 de maio e 7 de junho;
  • 5: 7 de junho e 6 de julho;
  • 6: 6 de julho e 5 de agosto;
  • 7: 5 de agosto e 9 de setembro;
  • 8: 9 de setembro e 7 de outubro;
  • 9: 7 de outubro e 4 de novembro;
  • 0: 28 de outubro e 30 de novembro.

Confira percentuais das alíquotas

É válido ressaltar que cada veículo apresenta uma taxação diferente com base em seu ano de fabricação e tamanho. Em Goiás, as cobranças funcionarão da seguinte forma:

  • 1,25%: ônibus, micro-ônibus, caminhão, veículos aéreos e aquáticos utilizados no transporte coletivo de passageiros e de carga
  • 3%: motocicleta, ciclomotor, triciclo, motoneta e automóvel de passeio com potência até 100 cv (cavalos)
  • 3,45%: veículos utilitários
  • 3,75%: veículo terrestre de passeio, veículo aéreo e aquático e demais veículos não especificados

Lista de isenção

Segundo o governo local, esse ano não precisará pagar o imposto os seguintes contribuintes:

  • Veículos com mais de 15 anos de uso
  • Pessoas com deficiência
  • Ônibus ou micro-ônibus de passageiro de turismo ou escolar
  • Veículo novo no ano da sua aquisição, comprado em concessionária goiana

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR, onde já acumula anos de experiência e pesquisas sobre economia popular e direitos sociais.