Carreira e Negócios: conheça a lista com os 10 livros mais vendidos em 2021

Lista apresenta os 10 livros mais vendidos nesse ano; tem sobre finanças, autoajuda, romance e ficção. Essa pode ser a dica para você iniciar o próximo ano com uma nova leitura; confira.

publicidade

Veja quais foram os livros mais lidos desse ano e aproveite para se inspirar e escolher a sua próxima leitura.

10 livros mais vendidos em 2021

Confira abaixo quais foram os livros mais vendidos no Brasil de acordo com levantamento feito pelo portal Publishnews:

1. Mais esperto que o diabo

publicidade
  • Autor: Napoleon Hill
  • Editora: Citadel
  • Páginas: 200
  • Número de exemplares vendidos: 106.947

2. O poder da autorresponsabilidade

  • Autor: Paulo Vieira
  • Editora: Gente
  • Páginas: 160
  • Número de exemplares vendidos: 87.451

3. Mindset milionário

  • Autor: José Roberto Marques
  • Editora: Buzz
  • Páginas: 208
  • Número de exemplares vendidos: 85.515

4. Mulheres que correm com os lobos (capa dura)

publicidade
  • Autor: Clarissa Pinkola Estes
  • Editora: Rocco
  • Páginas: 576
  • Número de exemplares vendidos: 71.152

5. Torto arado

  • Autor: Itamar Vieira Junior
  • Editora: Todavia
  • Páginas: 264
  • Número de exemplares vendidos: 70.473
publicidade

6. Do mil ao milhão

  • Autor: Thiago Nigro
  • Editora: HarperCollins
  • Páginas: 192
  • Número de exemplares vendidos: 57.870

7. Vermelho, branco e sangue azul

publicidade
  • Autor: Casey McQuiston
  • Editora: Seguinte
  • Páginas: 392
  • Número de exemplares vendidos: 54.545

8. A garota do lago

  • Autor: Charlie Donlea
  • Editora: Faro Editorial
  • Páginas: 296
  • Número de exemplares vendidos: 54.533
publicidade

9. Pai rico, pai pobre – Edição de 20 anos

  • Autor: Robert T. Kiyosak
  • Editora: Alta Books Editora
  • Páginas: 336
  • Número de exemplares vendidos: 51.910

10. Mentirosos

publicidade
  • Autor: E. Lockhart
  • Editora: Seguinte
  • Páginas: 272
  • Número de exemplares vendidos: 48.543

Leitura no Brasil durante a pandemia

Um dos hábitos que cresceu no país durante a pandemia foi a leitura, afinal, os brasileiros estavam mais tempo em casa e buscavam novas opções de entretenimento durante o “confinamento”.

De acordo com um levantamento feito pelo Sindicato Nacional dos Editores de Livros (Snel) a partir de pesquisa feita pela Nielsen BookScan, no período de janeiro a setembro desse ano foram vendidos 36,1 milhões de exemplares de livros, aumento de 39% em comparação ao mesmo período de 2020.

publicidade

Em outra pesquisa, a Retratos da Leitura no Brasil, o primeiro semestre desse ano apontou um crescimento nas vendas de livro em 46,5% se comparado com o mesmo período do ano passado.

Essa mesma pesquisa também registrou um aumento de 43% na venda de e-books e audiobooks no ano de 2020 durante a pandemia.

Fique bem informado com a editoria de carreiras do FDR.

publicidade

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR. Jamille utiliza sua experiência na área da educação para cobrir notícias sobre cursos, vestibulares, empregos e concursos.