4 empresas estrangeiras listadas na bolsa brasileira são bem vistas pelos especialistas

Mesmo diante de algumas dificuldades, as empresas dos Estados Unidos negociadas em Wall Street tiveram um ano positivo. Em meio a este cenário, conheça quatro empresas estrangeiras listadas na bolsa brasileira (B3) bem vistas por especialistas consultados pela Forbes.

publicidade
4 empresas estrangeiras listadas na bolsa brasileira são bem vistas pelos especialistas
4 empresas estrangeiras listadas na bolsa brasileira são bem vistas pelos especialistas (Imagem: Montagem/FDR)

Neste ano, o índice S&P, por exemplo, aumentou 25%. O resultado positivo aconteceu apesar das preocupações sobre a alta da inflação — além dos temos com a pandemia de covid-19.

Para 2022, as bolsas podem passar por uma fase mais desafiadora, com a inflação norte-americana atingindo o maior nível dos últimos 40 anos. Outro ponto é o Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos) diminuindo a política de estímulos econômicos, e elevando as taxas de juros.

publicidade

Apesar de diversos analistas de Wall Street apresentarem uma visão positiva em 2022, os investidores devem projetar retornos menores — em comparação aos anos anteriores.

A pedido da Forbes, um levantamento realizado pela empresa de pesquisas independentes Morningstar mostrou quatro gestores de fundos que registraram ótimos desempenhos em 2021.

Os especialistas indicaram quais empresas apostam para 2022. De qualquer modo, vale destacar que, antes de investir, é preciso pesquisar a companhia e verificar se ela se enquadra na estratégia do investidor. Também há a importância de ase atentar aos riscos envolvidos.

Quatro empresas estrangeiras listadas na bolsa brasileira indicadas por especialistas

Todas os papéis mencionados estão disponíveis na bolsa brasileira em forma de BDRs (Brazilian Depositary Receipts):

  • Aposta de John W. Rogers, Jr.(Fundo: Ariel)

Rogers aposta da gigante de mídia e entretenimento ViacomCBS (BDR: C1BS34). Atualmente, a empresa está entre os investimentos mais baratos do Ariel Fund. Ele observa um grande valor na companhia em 2022. Rogers declara que a empresa possui um “conjunto mais amplo de conteúdo”.

publicidade
  • Aposta de Amy Zhang (Fundo: Alger Mid-Cap Focus Fund)

Zhang aposta no banco comercial Signature Bank (BDR: SBNY34). A justificativa é que a instituição deve ser favorecida “não apenas de um impulso de recuperação cíclica, mas também da exposição aos primeiros momentos de uma criptoeconomia mais secular”.

  • Aposta de Kirsty Gibson (Fundo: Baillie Gifford U.S. Equity Growth Fund)
publicidade

Gibson aposta na Snap (BDR: S1NA34), dona da rede social Snapchat. Mesmo que grande parte da receita seja decorrente de publicidade, a plataforma vem lentamente se transformando em uma empresa de realidade aumentada.

Com isso, nos próximos cinco a dez anos, Gibson prevê que isso pode levar a um “modelo de negócios muito mais lucrativo”.

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

  • Aposta de Nancy Zevenbergen (Fundo: Zevenbergen Growth Fund)
publicidade

Zevenbergen aposta na empresa de armazenamento de dados na nuvem, a Snowflake (BDR: S2NW34). Ele projeta que a companhia tenha um crescimento de receita de mais de 50% em 2022. Em termos de ativos, Zevenbergen alega que “dados são o novo petróleo”.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.