Boletim Focus: Confira as novas projeções do mercado para a economia brasileira

O mercado financeiro aumentou novamente as estimativas para a inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA). Os analistas preveem, novamente, que a inflação atingirá o patamar de dois dígitos neste ano. As projeções contam no boletim Focus, divulgado pelo Banco Central (BC) nesta segunda-feira (6).

Boletim Focus: Confira as novas projeções do mercado para a economia brasileira
Boletim Focus: Confira as novas projeções do mercado para a economia brasileira (Imagem: Montagem/FDR)

Para o IPCA de 2021, os analistas financeiros aumentaram a projeção de 10,15% para 10,18%. Esta foi a 35ª semana seguida de elevação. Caso a estimativa for confirmada, será a primeira vez que o indicador chegará a dois dígitos desde 2015, quando atingiu 10,67%.

Neste ano, a meta central da inflação é de 3,75% — com uma tolerância de 1,5 ponto percentual para mais ou para menos. Sendo assim, o índice pode variar entre 2,25% e 5,25%.

Já para a inflação de 2022, o mercado aumentou a perspectiva de 5% para 5,02%. Esta foi a 20ª semana consecutiva de reajuste. Para 2022, o centro da meta de inflação é de 3,50% — podendo ficar entre 2% e 5%.

Estimativas do relatório Focus para o PIB

Para o Produto Interno Bruto (PIB), os economistas diminuíram a estimativa de alta para 2021, de 4,78% para 4,71%. O PIB se refere a todos os bens e serviços produzidos no Brasil.

Já para 2022, os analistas financeiros também reduziram a perspectiva de crescimento, de 0,58% para 0,51%. Em setembro, o mercado passou a revisar para baixo a estimativa para o PIB. Apesar dessa previsão recente, o Ministério da Economia, neste mês, indicou que o PIB de 2022 deve estar acima de 2%.

Estimativas do relatório Focus para a taxa de juros

Para a taxa Selic no fim de 2021, os economistas mantiveram a estimativa em 9,25% ao ano. Para o fim de 2022, o mercado financeiro continuou com a projeção de 11,25% ao ano.

Hoje, a taxa básica de juros está em 7,75%. A tendência de alta tem sido observada desde março deste ano — quando houve a primeira elevação em quase seis anos, subindo para 2,75% ao ano.

Estimativas do relatório Focus para o dólar

Para o fim de 2021, o mercado financeiro aumentou a previsão para o dólar, de R$ 5,50 para R$ 5,56. Já para o fim de 2022, a perspectiva para a taxa de câmbio subiu de R$ 5,50 para R$ 5,55.

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Silvio Souza
Silvio Suehiro Souza é formado em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC). Desde 2019 dedica-se à redação do portal FDR, onde tem acumulado experiência e vasto conhecimento na área ligada a economia, finanças e investimentos. Além disso, Silvio produz análises sobre produtos e serviços financeiros, sempre prezando pela imparcialidade e informações confiáveis.