Imposto de Renda: Reforma volta a ser discutida no Senado, após pressão de Lira

Arthur Lira, presidente da Câmara dos Deputados voltou a cobrar do Senado que a votação da reforma do Imposto de Renda aconteça. A proposta foi aprovada no mês de setembro pelos deputados e ainda espera pela deliberação dos senadores.

Lira afirmou que ao assumir a presidência da Casa, após a aprovação do Imposto de Renda, a Câmara iria votar a proposta do passaporte tributário, que estava em tramitação no Senado, e os senadores votariam as mudanças no IR aprovadas pela Câmara. Mas, segundo ele, o acordo não foi cumprido. 

A declaração de Lira foi dada nesta segunda, 22, em um evento da Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores (Abad).

“O Senado tem que dar prosseguimento, tínhamos um acordo de procedimento. O Senado não votou o Imposto de Renda, mas nós vamos votar o Refis, talvez não o mesmo texto, mas vamos votar”, afrimou Lira. O projeto do Refis veio do Senado para a Câmara.

“A proposta tem um conceito prático, que é diminuir o imposto da pessoa jurídica para as empresas que vão promover o crescimento, em detrimento das empresas estagnadas que fazem somente a distribuição de dividendos. O Brasil é um dos poucos países que não cobram. São R$ 330 bilhões distribuídos que não pagam impostos”, disse Lira.

De acordo com Arthur, a partir da aprovação das mudanças do IR e da cobrança de dividendos, seria possível obter uma fonte de recursos permanente para um novo programa social.

Como o texto ainda não foi aprovado pelo Senado, Lira afirmou que espera que os senadores aprovem rapidamente a PEC dos Precatórios, para que seja aberto um espaço fiscal para custear o Auxílio Brasil, sem que o pagamento não estoure o teto de gastos. 

“Estamos com mais de 20 milhões de famílias passando fome, daí a importância da PEC dos Precatórios e do auxílio temporário. O dividendo [do projeto do Imposto de Renda] serviria de fonte para criar um programa dentro do teto de R$ 300 permanente, sem essa fonte não é possível”, disse Lira.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.