Festas e eventos do final de ano vão exigir comprovante de vacinação; emita o seu

O mês de dezembro está chegando e com isso veem as festas de final de ano. Em 2021, com o avanço da vacinação será possível realizar festas, porém os participantes devem apresentar o seu comprovante de vacinação. Saiba aqui como realizar a emissão do seu.

O que é o passaporte da vacina

O comprovante de vacinação concede aos cidadãos a entrada em diversos eventos e até festas que vão voltar a ser realizadas neste ano, por conta da diminuição de internações por conta do novo coronavírus.

O documento emitido pelo SUS indica que aquela pessoa tomou a vacina contra o coronavírus, seja a primeira ou a segunda dose. Mas, vale lembrar que não indica se no momento do festejo o cidadão está sem o vírus. Para isso é preciso um teste.

Onde emitir?

O comprovante de vacinação deve ser emitido por meio do Conecte SUS, acessando a Carteira de Vacinação Digital. 

O Conecte faz parte de uma sistema em que são incluídas informações vinculados ao Ministério da Saúde. 

Quem pode realizar a emissão do comprovante da vacina?

Todos aqueles que concluíram o seu esquema vacinal contra a Covid-19 podem realizar a emissão do seu comprovante. 

Além disso, é preciso verificar se o documento foi enviado à Rede Nacional de Dados em Saúde (RNDS).

Emissão do certificado de vacinação

Para realizar a emissão é só seguir os seguintes passos: 

  • Baixe o aplicativo “Conecte SUS”;
  • Faça o login no aplicativo, através da sua conta de acesso único no gov.br;
  • Acesse a Carteira de Vacinação Digital, pelo ícone Vacinas;
  • A Carteira de Vacinação mostrará as doses recebidas, abra o detalhamento das doses ministradas; 
  • Em “Emissão do Certificado” selecione a opção “Certificado de Vacinação”.

O que contém o documento?

O documento apresenta dados cadastrais, como: nome, data de nascimento, sexo, CPF, data e horário da emissão do certificado, informações de autenticação do certificado e dados sobre as doses de vacinas administradas (dia de aplicação, instituição responsável pela fabricação ou importação da vacina, nome da vacina, descrição da dose, lote e estabelecimento de saúde).

Quais os estados já exigiam?

Os estados do Rio Grande do Sul, Amazonas, Pará, Pernambuco e Espírito Santo já exigem o “passaporte da vacina” para os seus cidadãos.

O estado de Santa Catarina, aderiu a um tipo de passaporte válido apenas para os eventos, porém pode ser substituído por um teste RT-PCR realizado nas últimas 72 horas.

Já em São Paulo, o governo estadual concedeu autonomia para que cada um dos 645 municípios decida sobre o tema. Desde 29 de agosto, é obrigatório apresentar comprovante de vacinação para eventos com mais de 500 pessoas.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Há dois anos é redatora do portal FDR, onde acumula bastante experiência em produção de notícias sobre economia popular e finanças.