IPTU em Niterói pode ser parcelado e negociado no portal online

A Prefeitura de Niterói informou que os contribuintes terão a oportunidade de parcelar automaticamente o valor cobrado pelo Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). O procedimento será inteiramente virtual, sendo realizado pelo Portal de Serviços do município. 

IPTU em Niterói pode ser parcelado e negociado no portal online
IPTU em Niterói pode ser parcelado e negociado no portal online. (Imagem: FDR)

O parcelamento automático foi implementado com o propósito de promover mais facilidade e agilidade para os contribuintes de Niterói, pois antes era preciso fazer um requerimento e comparecer na Secretaria Municipal de Fazenda (SMF) para efetivar o parcelamento. A pasta informou que do total de solicitações que recebe constantemente, 94% se referem ao parcelamento do IPTU.

Este percentual equivale a quatro mil pedidos por ano. Agora, basta que o contribuinte acesse o Portal de Serviços pelo link: servicos.niteroi.rj.gov.br. No menu do site, é preciso clicar em “autosserviços”, selecionar a dívida em aberto e escolher o número de parcelas pelas quais deseja efetuar o pagamento.

No mesmo portal o cidadão consegue fazer uma simulação prévia do parcelamento, com a data de vencimento desejado e o número máximo de parcelas.

Se a simulação estiver de acordo com as possibilidades do cidadão, basta concluir a negociação do IPTU e imprimir as guias de pagamento.

Para a secretária Marilia Ortiz, a tendência é que, com a evolução do meio digital, que mais serviços sejam inseridos no modelo de autoatendimento, otimizando ainda mais as demandas municipais tanto para a equipe da administração pública quanto para os munícipes. 

“Assim vamos construindo uma Prefeitura cada vez mais eficiente trazendo economia de tempo para o cidadão e também economia de recursos humanos e financeiros para a Prefeitura”, ponderou. 

Enquanto isso, o procurador-geral do município, Michell Maron, a digitalização dos serviços é um caminho sem volta, tendo em vista a facilidade para os contribuintes que terão a chance de pagar os débitos pelo meio que lhe for mais conveniente. Esta atualização no sistema também demonstra a preocupação e empenho da administração municipal perante a qualidade e eficácia do serviço público. 

Enquanto isso, o subprocurador-geral da área Tributário-Fiscal da PGM, Felipe Mahfuz, ressalta que o parcelamento do IPTU tem o propósito de otimizar os débitos deste tributo, garantindo que a população tenha condições de efetuar o pagamento e o município de manter a arrecadação. 

“É mais uma ferramenta à disposição do contribuinte, assim como a transação tributária e o desconto para pagamento à vista, com o fim de melhor atender aos munícipes e realizar a atividade-fim da Procuradoria, qual seja, a liquidação dos seus créditos fiscais com os contribuintes”, concluiu.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.