Inscrições reabertas no programa que libera auxílio de R$ 1 mil aos estudantes

Em São Paulo, estudantes recebem incentivo do governo estadual. Nessa semana, a secretaria de educação anunciou a reabertura de inscrições no programa Bolsa de Estudos. Por meio dele, os alunos em situação de vulnerabilidade recebem um auxílio financeiro de até R$ 1 mil.

Inscrições reabertas no programa que libera auxílio de R$ 1 mil aos estudantes (Foto: Governo do Estado de São Paulo)
Inscrições reabertas no programa que libera auxílio de R$ 1 mil aos estudantes (Foto: Governo do Estado de São Paulo)

Diante da pandemia do novo coronavírus, a concessão de benefícios sociais passou a ser uma realidade ainda mais recorrente. Em São Paulo, os alunos de baixa renda podem tentar uma vaga no projeto Bolsa do Povo.

As inscrições devem ser feitas até o próximo dia 17, através do site https://www.bolsadopovo.sp.gov.br/.

Detalhes do Bolsa do Povo

O governo espera que o programa contemple cerca de 300 mil alunos da rede estadual. Cada estudante terá direito de receber R$ 1 mil, dividido em parcelas mensais. Os repasses aconteceram de forma proporcional, com base no ano letivo.

Para poder receber o auxílio é preciso ter uma frequência escolar mínima de 80%, dedicação de 2 a 3 horas de estudos pelo aplicativo Centro de Mídias SP (CMSP) e participação nas avaliações de aprendizagem.

No caso daqueles que estiverem no 3º ano do ensino médio, é exigido ainda realizar atividades preparatórias para o ENEM.

O governo explica que o projeto é destinado para todos os alunos que estiverem regularmente matriculados no ensino médio e na nona série do ensino fundamental da rede estadual, inscritos no Cadastro Único – CadÚnico.

De acordo com a secretaria de educação, há cerca de 3,5 milhões de estudantes ao todo na região, estando 770 mil em situação de pobreza ou extrema pobreza. Destes, 1,2 mil estão no ensino médio, 267 mil em vulnerabilidade.

Aqueles com o cadastro aprovado devem cumprir uma jornada de quatro horas diárias e receberão R$ 500 por mês, de agosto a dezembro de 2021.

Ações de incentivo do governo

Por meio do Bolsa do Povo Educação, o governo de São Paulo investiu R$ 400 milhões no ensino público. R$ 100 foram aplicados neste ano e outros R$ 300 ficarão para 2022.

O governador, João Dória, afirmou que pretende manter os jovens do ensino médio na escola, estimulando a participação nas atividades e, consequentemente, melhorando a aprendizagem.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 17

Inscrições reabertas no programa que libera auxílio de R$ 1 mil aos estudantes

×
Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA