Auxílio emergencial será prorrogado? Popularidade de Bolsonaro pode forçar novo lote

Pontos-chave
  • Auxílio emergencial pode ser mantido em 2022;
  • Bolsonaro avaliar postergar o benefício para manter sua popularidade;
  • Calendário das parcelas até o fim do ano está disponível.

Bolsonaro afirma possibilidade de renovar o auxílio emergencial. Nas últimas semanas, a popularidade do presidente da republica vem despencando. Com a cesta básica sendo comercializada por mais de R$ 1 mil e a gasolina acima dos R$ 7, os brasileiros estão cada vez mais insatisfeitos com sua gestão. Para remediar a situação, o gestor avalia prorrogar o benefício.

Auxílio emergencial será prorrogado? Popularidade de Bolsonaro pode forçar novo lote (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)
Auxílio emergencial será prorrogado? Popularidade de Bolsonaro pode forçar novo lote (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)

Há meses a gestão do presidente Jair Bolsonaro tem sido motivo de críticas por parte da sociedade civil, imprensa e demais instituições. Atualmente, o Brasil vive uma das piores crises econômicas de sua história, juntamente com a crise hídrica e impactos do novo coronavírus. Para reconquistar o eleitorado, o auxílio emergencial poderá ser mantido em 2022.

Auxílio emergencial será prorrogado?

Próximo ao fim do auxílio, previsto para o mês de outubro, a população passou a cobrar Bolsonaro sobre a possibilidade de renovar o projeto.

Em resposta, ele alegou não descartar a possibilidade, sendo a decisão tomada a partir dos indicativos econômicos contabilizados nesse último semestre.

De acordo com Bolsonaro, a equipe econômica tem entre janeiro e fevereiro do próximo ano para avaliar se renovará ou não o auxílio. No entanto, é válido ressaltar que inicialmente o programa de transferência de renda adotado seria o novo Bolsa Família, chamado de Auxílio Brasil.

Até o momento não há uma certeza sobre a implementação do novo projeto ou sobre a postergação do coronavoucher. Ambas as propostas encontram dificuldades diante do limite orçamentário determinado pelo Congresso Nacional.

Popularidade do presidente em baixa

Os levantamentos feitos pela DataFolha e demais institutos afirmam que Bolsonaro está com um índice de rejeição de 64%. O principal motivo está relacionado a inflação em 9,88% somente nos últimos 12 meses.

Se manter o auxílio ou validar o novo Bolsa Família, Bolsonaro espera estreitar laços com a população e baixa renda que representa parte significativa do eleitorado que não apoia sua gestão.

Mesmo em 2018, quando foi candidato, o atual chefe de estado não contou com a aprovação dos mais pobres. No Nordeste, especificamente, Bolsonaro teve a menor aceitação de toda a sua campanha.

Analistas políticos afirmam que a falta de popularidade do presidente se agrava mediante a ligação que esse público tem com o ex chefe de estado, Lula.

Conhecido por seu governo populista, ele se tornou referencia central pela ampliação de políticas públicas como o Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida, entre outros.

Diante da possibilidade de Lula ser candidato em 2022, justifica a corrida de Bolsonaro para reforçar sua agenda social e assim renovar o auxílio emergencial ou criar um novo Bolsa Família.

Auxílio emergencial será prorrogado? Popularidade de Bolsonaro pode forçar novo lote (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)
Auxílio emergencial será prorrogado? Popularidade de Bolsonaro pode forçar novo lote (Imagem: Marcos Rocha/ FDR)

Calendários do auxílio emergencial 2021

Quinta parcela do auxílio emergencial 2021: calendário de pagamento para beneficiários do Bolsa Família

  • NIS com final 1: 18 de agosto
  • NIS com final 2: 19 de agosto
  • NIS com final 3: 20 de agosto
  • NIS com final 4: 23 de agosto
  • NIS com final 5: 24 de agosto
  • NIS com final 6: 25 de agosto
  • NIS com final 7: 26 de agosto
  • NIS com final 8: 27 de agosto
  • NIS com final 9: 30 de agosto
  • NIS com final 0: 31 de agosto

Quinta parcela do auxílio emergencial 2021: calendário de pagamento (depósito em conta) para público geral

  • Nascidos em janeiro – 20 de agosto
  • Nascidos em fevereiro – 21 de agosto
  • Nascidos em março – 21 de agosto
  • Nascidos em abril – 22 de agosto
  • Nascidos em maio – 24 de agosto
  • Nascidos em junho – 25 de agosto
  • Nascidos em julho – 26 de agosto
  • Nascidos em agosto – 27 de agosto
  • Nascidos em setembro – 28 de agosto
  • Nascidos em outubro – 28 de agosto
  • Nascidos em novembro – 29 de agosto
  • Nascidos em dezembro – 31 de agosto

Quinta parcela do auxílio emergencial 2021: calendário de saque para público geral

  • Nascidos em janeiro – 1º de setembro
  • Nascidos em fevereiro – 2 de setembro
  • Nascidos em março – 3 de setembro
  • Nascidos em abril – 6 de setembro
  • Nascidos em maio – 9 de setembro
  • Nascidos em junho – 10 de setembro
  • Nascidos em julho – 13 de setembro
  • Nascidos em agosto – 14 de setembro
  • Nascidos em setembro – 15 de setembro
  • Nascidos em outubro – 16 de setembro
  • Nascidos em novembro – 17 de setembro
  • Nascidos em dezembro – 20 de setembro

Sexta parcela do auxílio emergencial 2021: calendário de pagamento para beneficiários do Bolsa Família

  • NIS com final 1: 17 de setembro
  • NIS com final 2: 20 de setembro
  • NIS com final 3: 21 de setembro
  • NIS com final 4: 22 de setembro
  • NIS com final 5: 23 de setembro
  • NIS com final 6: 24 de setembro
  • NIS com final 7: 27 de setembro
  • NIS com final 8: 28 de setembro
  • NIS com final 9: 29 de setembro
  • NIS com final 0: 30 de setembro

Sexta parcela do auxílio emergencial 2021: calendário de pagamento (depósito em conta) para público geral

  • Nascidos em janeiro – 21 de setembro
  • Nascidos em fevereiro – 22 de setembro
  • Nascidos em março – 23 de setembro
  • Nascidos em abril – 24 de setembro
  • Nascidos em maio – 25 de setembro
  • Nascidos em junho – 26 de setembro
  • Nascidos em julho – 28 de setembro
  • Nascidos em agosto – 29 de setembro
  • Nascidos em setembro – 30 de setembro
  • Nascidos em outubro – 1º de outubro
  • Nascidos em novembro – 2 de outubro
  • Nascidos em dezembro – 3 de outubro

Sexta parcela do auxílio emergencial 2021: calendário de saque para público geral

  • Nascidos em janeiro – 4 de outubro
  • Nascidos em fevereiro – 5 de outubro
  • Nascidos em março – 5 de outubro
  • Nascidos em abril – 6 de outubro
  • Nascidos em maio – 8 de outubro
  • Nascidos em junho – 11 de outubro
  • Nascidos em julho – 13 de outubro
  • Nascidos em agosto – 14 de outubro
  • Nascidos em setembro – 15 de outubro
  • Nascidos em outubro – 18 de outubro
  • Nascidos em novembro – 19 de outubro
  • Nascidos em dezembro – 19 de outubro

Sétima parcela do auxílio emergencial 2021: calendário de pagamento para beneficiários do Bolsa Família

  • NIS com final 1: 18 de outubro
  • NIS com final 2: 19 de outubro
  • NIS com final 3: 20 de outubro
  • NIS com final 4: 21 de outubro
  • NIS com final 5: 22 de outubro
  • NIS com final 6: 25 de outubro
  • NIS com final 7: 26 de outubro
  • NIS com final 8: 27 de outubro
  • NIS com final 9: 28 de outubro
  • NIS com final 0: 29 de outubro

Sétima parcela do auxílio emergencial 2021: calendário de pagamento (depósito em conta) para público geral

  • Nascidos em janeiro – 20 de outubro
  • Nascidos em fevereiro -21 de outubro
  • Nascidos em março – 22 de outubro
  • Nascidos em abril – 23 de outubro
  • Nascidos em maio – 23 de outubro
  • Nascidos em junho – 26 de outubro
  • Nascidos em julho – 27 de outubro
  • Nascidos em agosto – 28 de outubro
  • Nascidos em setembro – 29 de outubro
  • Nascidos em outubro – 30 de outubro
  • Nascidos em novembro – 30 de outubro
  • Nascidos em dezembro – 31 de outubro

Sétima parcela do auxílio emergencial 2021: calendário de saque para público geral

  • Nascidos em janeiro – 1º de novembro
  • Nascidos em fevereiro – 3 de novembro
  • Nascidos em março – 4 de novembro
  • Nascidos em abril – 5 de novembro
  • Nascidos em maio – 9 de novembro
  • Nascidos em junho – 10 de novembro
  • Nascidos em julho – 11 de novembro
  • Nascidos em agosto – 12 de novembro
  • Nascidos em setembro – 16 de novembro
  • Nascidos em outubro – 17 de novembro
  • Nascidos em novembro – 18 de novembro
  • Nascidos em dezembro – 19 de novembro

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4.8
Total de Votos: 5

Auxílio emergencial será prorrogado? Popularidade de Bolsonaro pode forçar novo lote

Eduarda Andrade
Maria Eduarda Andrade é mestranda em ciências da linguagem na Universidade Católica de Pernambuco, formada em Jornalismo pela mesma instituição. Enquanto pesquisadora, atua na área de políticas públicas, economia criativa e linguística, com foco na Análise Crítica do Discurso. No mercado de trabalho, passou por veículo impresso, sendo repórter do Diario de Pernambuco, além de assessorar marcas nacionais como Devassa, Heineken, Algar Telecom e o Grupo Pão de Açúcar. Atualmente, dedica-se à redação do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA