Empréstimo do Bolsa Família será consignado; como isso funciona afinal?

O governo federal pretende dar permissão aos bancos a oferecerem crédito consignado, ou seja, o empréstimo terá desconto em folha de pagamento para beneficiários do Bolsa Família. Saiba mais informações logo abaixo.

Empréstimo do Bolsa Família será consignado; como isso funciona afinal?
Empréstimo do Bolsa Família será consignado; como isso funciona afinal? (Imagem: Ana Nascimento/CCE)

O objetivo é que as parcelas sejam descontadas do benefício e que sejam limitadas a 30% do valor da bolsa. O empréstimo compõe a série de novas medidas relacionadas ao novo programa do governo, o Auxílio Emergencial.

A modalidade foi anunciada pelo jornal “O Estado de S.Paulo”, que teve acesso à Medida Provisória a qual é voltada para a reformulação e a ampliação do Bolsa Família. Pelas informações que foram apresentadas, o crédito só será concedido com a autorização do beneficiário.

Quem conseguirá contratar o crédito?

  • Famílias com a renda mensal inferior a R$170;
  • Todas as crianças e jovens entre 6 e 17 anos que estiverem matriculadas nas escolas;
  • Participantes das ações do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) para saúde da mulher.

Como ter acesso ao empréstimo do Bolsa Família?

  • Possuir renda própria, além do programa, validada em carteira assinada e comprovante de renda;
  • Possui um fiador;
  • Permitir a visita na sua casa de um fiscal do programa.

Conforme entrevista do economista Eduardo Araújo, membro do Conselho Federal de Economia (Cofecon), ao portal a Gazeta, a concessão do crédito consignado para os beneficiários do Bolsa Família pode ocasionar uma diminuição do valor que as famílias terão para arcar com o seu sustento mensal.

O objetivo é que o dinheiro seja investido para empreender e ter condições de proporcionar a várias famílias o ganho do seu próprio sustento. 

“No caso de investimentos, essa aquisição de crédito pode ser vantajosa. Comprar uma moto ou uma bicicleta para oferecer um serviço de entrega, por exemplo, pode valer a pena, pois é algo que vai trazer um retorno financeiro”, diz.

Riscos de contratar o crédito

Eduardo Araújo relata que os beneficiários podem ser mais vulneráveis e acabar se endividando ao efetuar a contratação do empréstimo

Se o beneficiário perder a concessão do Bolsa Família ele deve continuar pagando o empréstimo ao banco, mesmo sem o valor do benefício.

“Os beneficiários têm o compromisso financeiro com a instituição bancária. Isso independente de ainda receberem ou não o benefício. Dependendo do que foi acordado, pode ser que haja um prazo para que esse pagamento seja feito”.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 4.7
Total de Votos: 6

Empréstimo do Bolsa Família será consignado; como isso funciona afinal?

Jheniffer Freitas
Jheniffer Aparecida Corrêa Freitas é formada em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes. Atuou como assessora de imprensa da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo e da Secretarial Estadual da Saúde de São Paulo. Atualmente, é redatora do portal FDR, produzindo pautas sobre economia popular e finanças.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA