Entidades querem reabertura das inscrições do ENEM 2021 com isenção

Após o menor número de inscrições registradas e um alto índice de isenções recusadas, instituições querem a reabertura das inscrições do ENEM 2021. As provas do exame acontecem já no mês de novembro.

Entidades querem reabertura das inscrições do ENEM 2021 com isenção
Entidades querem reabertura das inscrições do ENEM 2021 com isenção (Imagem/Reprodução: INEP)

O Exame Nacional do Ensino Médio apresenta números assustadores, esse foi o ano em que o exame registrou o menor número de inscritos, além disso, 230 mil pessoas tiveram seus pedidos de isenção recusados.

Tudo isso motivou a união entre diversas entidades estudantis, a OAB e alguns partidos políticos, que protocolaram na última terça, 10, um pedido de reabertura das inscrições do Enem 2021.

Reabertura das inscrições do ENEM 2021

A Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) é o resultado da união da Educafro, União Nacional dos Estudantes (UNE), União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes).

E dos partidos Cidadania, PCdoB, PDT, PSB, Psol, PSTU, PT, PV e Rede. Em parte do texto da ação, as entendidas afirmam que a manutenção das regras para concessão de isenção no exame só faz aumentar a desigualdade social.

“Medida discriminatória, que apenas acentuará ainda mais as desigualdades sociais, pois não se está impedindo a reinscrição no Exame de todos os ausentes, mas apenas de estudantes pobres”.

Vale lembrar que o ENEM 2020 teve o mais alto índice de abstenções já registrado desde a sua reformulação em 2009.

O grande questionamento feito pelas entidades é que, de acordo com o edital, quem faltou na edição anterior do exame deve justificar e comprovar a sua ausência.

No entanto, vivíamos, e ainda vivemos, tempos de pandemia, o que gerou insegurança em muitos estudantes.

O presidente da Educafro, Frei David, comentou sobre a época em que o exame foi realizado e a insegurança dos estudantes quanto a pandemia.

“Os jovens estão sendo punidos por não terem ido fazer uma prova em um contexto perigoso, de enorme insegurança. É uma decisão maldosa e cruel com estudantes pobres que enfrentam a maior crise já vivida pelo país”, disse ele.

A realidade é que muitos brasileiros não têm condições de pagar o valor da taxa de inscrição, R$ 85.

Um ponto importante nessa questão é que na época do ENEM 2020, o INEP recomendou que os estudantes com diagnóstico, sintomas e suspeitas de Covid-19 não participassem do exame e realizassem a notificação em uma central de atendimento. Mas, essa central apresentou falhas em diversos momentos.

Fique bem informado com a editoria de carreiras do FDR .

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Entidades querem reabertura das inscrições do ENEM 2021 com isenção

Jamille Novaes
Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa, já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha como professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora da editoria de carreiras do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA