Começou! Depósito da 3ª parcela do auxílio emergencial cai hoje na sua conta

Pontos-chave
  • Primeiro depósito da terceira parcela do auxílio emergencial é efetuado hoje para o grupo geral;
  • Auxílio emergencial de 2021 ganhará parcelas extras;
  • Calendário de saques da terceira parcela começa no dia 1º de julho.

O primeiro depósito referente à terceira parcela do auxílio emergencial para o grupo geral é depositado nesta sexta-feira, 18, pela Caixa Econômica Federal (CEF). Na verdade, os primeiros a serem contemplados pela antecipação desta parcela foram os beneficiários do Bolsa Família

Começou! Depósito da 3ª parcela do auxílio emergencial cai hoje na sua conta
Começou! Depósito da 3ª parcela do auxílio emergencial cai hoje na sua conta. (Imagem: FDR)

O cronograma de pagamento do auxílio emergencial é organizado de duas formas. A primeira delas é para o grupo geral composto por desempregados e trabalhadores autônomos com base no mês de nascimento. 

O segundo formato contempla os cidadãos inscritos no Bolsa Família, durante os últimos dez dias úteis de cada mês. Os depósitos para este grupo seguem o padrão do programa original, com base no dígito final do Número de Identificação Social (NIS). 

Seguindo este raciocínio, ontem foi a vez dos beneficiários cujo NIS termina em 1 e 2. Os próximos depósitos da terceira parcela do auxílio emergencial para o Bolsa Família acontecerão somente no dia 21 de junho, próxima segunda-feira, em diante. O cronograma está previsto para terminar no dia 30 de junho para o NIS final 0.

Por outro lado, os cidadãos que fazem parte do grupo geral, composto por desempregados e trabalhadores autônomos, foram contemplados pela antecipação do calendário da terceira parcela. Portanto, o cronograma que antes se iniciaria somente no domingo, dia 20, foi adiantado para esta sexta-feira, 18. 

Enquanto hoje recebem o auxílio emergencial os aniversariantes de janeiro. Amanhã, 19, será a vez dos aniversariantes do mês de fevereiro, e assim por diante, até que o cronograma também seja concluído no dia 30 de junho. Vale lembrar que o grupo geral deve esperar um determinado tempo para que possam realizar o saque em espécie e fazer transferências via TED e DOC. 

O calendário de saques e transferências do auxílio emergencial referente à segunda parcela terminou ontem, 17. A movimentação da terceira parcela será liberada somente no dia 1º de julho para os aniversariantes de janeiro, e terminará no dia 19 de julho para os nascidos em dezembro. 

Caixa Tem

O auxílio emergencial de 2021 paga quantias de R$ 150 para quem mora sozinho; R$ 250 para o chefe do grupo familiar; e R$ 375 para as mães solteiras chefes de famílias monoparentais. Os valores são os mesmos para ambos os grupos, bem como a plataforma de depósitos, o Caixa Tem. 

O aplicativo da conta poupança social foi criado pela Caixa Econômica Federal ainda no ano de 2020, após ter dificuldades de lidar com as aglomerações nas agências bancárias. Este foi o meio encontrado para unificar os pagamentos e evitar grandes filas  e atendimento presencial demorado.

Por esta razão a Caixa Econômica aprimorou os serviços e ferramentas disponíveis no Caixa Tem com o passar do tempo. Na plataforma o beneficiário de programas sociais consegue pagar boletos, realizar compras online com o cartão de débito de virtual e presencial mediante a leitura do QR Code emitido pela máquina de cartão do estabelecimento comercial. 

O aplicativo também oferece o serviço de recarga telefônica para todas as operadoras, além da contratação do seguro de vida. O sistema de pagamento instantâneo, o PIX, também está disponível no banco virtual desde o lançamento oficial pelo Banco Central ainda em 2020. Contudo, no início o uso da chave PIX era regido pelas mesmas limitações do saque e transferências via TED e DOC. 

Porém, logo que o calendário do auxílio emergencial de 2021 entrou em vigor, o Banco Central decidiu liberar as movimentações via PIX sem a obrigatoriedade de esperar até um mês.

Pagamentos e transferências com a chave PIX estão liberados pelo Caixa Tem, desde que não sejam para contas da mesma titularidade ainda que em outras agências bancárias. 

Prorrogação do benefício 

Na última semana, o ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou a prorrogação do auxílio emergencial por mais dois ou três meses. Desta forma, o benefício deve ser pago até setembro ou outubro. O mês exato depende, principalmente, do ritmo da campanha de vacinação da Covid-19. 

O calendário de vacinação da Covid-19 segue conforme esperado, mesmo com os atrasos na aquisição de doses do imunizante que caracterizou o esquema em um ritmo lento, se comparado a outros países.

Ainda assim, as pastas da saúde das esferas federal e estadual estão otimistas quanto à possibilidade de concluir a aplicação da primeira dose da vacina em adultos com 18 anos ou mais até outubro de 2021. 

Esta ligação entre a prorrogação do auxílio emergencial e a campanha de vacinação da Covid-19 se deve ao fato de que, quanto mais pessoas estiverem imunizadas, mais seguro será o retorno em massa das atividades presenciais.

Isso também quer dizer que o cenário econômico poderá voltar a apresentar melhorias com o passar do tempo. 

Começou! Depósito da 3ª parcela do auxílio emergencial cai hoje na sua conta
Começou! Depósito da 3ª parcela do auxílio emergencial cai hoje na sua conta. (Imagem: Sérgio Lima/Poder360)

Calendário de depósito do auxílio emergencial 2021

Nascidos em Depósito
Parcela 1 Parcela 2  Parcela 3  Parcela 4
Janeiro 6 de abril 16 de maio 18 de junho 23 de julho
Fevereiro 9 de abril 19 de maio 19 de junho 25 de julho
Março 11 de abril 23 de maio 20 de junho 28 de julho
Abril 13 de abril 26 de maio 22 de junho 1º de agosto
Maio 15 de abril 28 de maio 23 de junho 3 de agosto
Junho 18 de abril 30 de maio 24 de junho 5 de agosto
Julho 20 de abril 2 de junho 25 de junho 8 de agosto
Agosto 22 de abril 6 de junho 26 de junho 11 de agosto
Setembro 25 de abril 9 de junho 27 de junho 15 de agosto
Outubro 27 de abril 11 de junho 29 de junho 18 de agosto
Novembro 27 de abril 11 de junho 30 de junho 20 de agosto
Dezembro 30 de abril 16 de junho 30 de junho 22 de agosto

 

Calendário de saques e transferências do auxílio emergencial 2021

 

Nascidos em Saques ou transferências
Parcela 1 Parcela 2 Parcela 3 Parcela 4
Janeiro 4 de maio 31 de maio 01 de julho 13 de agosto
Fevereiro 6 de maio 01 de junho 02 de julho 17 de agosto
Março 10 de maio 02 de junho 05 de julho 19 de agosto
Abril 12 de maio 04 de junho 06 de julho 23 de agosto
Maio 14 de maio 08 de junho 08 de julho 25 de agosto
Junho 18 de maio 09 de junho 09 de julho 27 de agosto
Julho 20 de maio 10 de junho 12 de julho 30 de agosto
Agosto 21 de maio 11 de junho 13 de julho 1º de setembro
Setembro 25 de maio 14 de junho 14 de julho 3 de setembro
Outubro 27 de maio 15 de junho 15 de julho 6 de setembro
Novembro 1º de junho 16 de junho 16 de julho 8 de setembro
Dezembro 4 de junho 17 de junho 19 de julho  10 de setembro

 

Calendário do auxílio emergencial para inscritos no Bolsa Família

Dígito final NIS Parcela 1 Parcela 2 Parcela 3 Parcela 4
NIS final 1 16 de abril 18 de maio 17 de junho 19 de julho
NIS final 2 19 de abril 19 de maio 17 de junho 19 de julho
NIS final 3 20 de abril 20 de maio 21 de junho 21 de julho
NIS final 4 22 de abril 21 de maio 22 de junho 22 de julho
NIS final 5 23 de abril  24 de maio 23 de junho 23 de julho
NIS final 6 26 de abril 25 de maio 24 de junho 26 de julho
NIS final 7 27 de abril 26 de maio 25 de junho 27 de julho
NIS final 8 28 de abril 27 de maio 28 de junho 28 de julho
NIS final 9 29 de abril 28 de maio 29 de junho 29 de julho
NIS final 0 30 de abril 31 de maio 30 de junho 30 de julho

Gostou do conteúdo? Siga @fdrnoticias no Instagram e FDR.com.br no Facebook para ver as últimas notícias que impactam diretamente no seu bolso e nos seus direitos.

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.