Como o atraso da vacina da Jassen pode atrapalhar o calendário de vacinação?

A previsão inicial do Ministério da Saúde sobre a importação de três milhões de doses da vacina da Janssen não será cumprida. A previsão era para que o imunizante chegasse em território brasileiro nesta terça-feira, 15. 

Como o atraso da vacina da Jassen pode atrapalhar o calendário de vacinação?
Como o atraso da vacina da Jassen pode atrapalhar o calendário de vacinação? (Imagem: Shannon Stapleton/Reuters)

O atraso se deve às questões logísticas do voo e carga responsáveis pelo transporte da vacina. O comunicado foi feito pela farmacêutica nesta última segunda-feira, 14, e transmitido à população brasileira pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. 

O lote contendo as doses da vacina da Janssen esperadas pelo Brasil sairá dos Estados Unidos da América (EUA) somente hoje, 15. A nova expectativa é para que o imunizante chegue no país entre sexta-feira, 18, no máximo, sábado, 19, tendo em vista que o comprometimento quanto à distribuição foi de 48 horas. 

Em nota, a indústria farmacêutica responsável pela vacina da Janssen informou que continua “dialogando com o Ministério da Saúde e de outras autoridades locais com o objetivo de disponibilizar a vacina no país o quanto antes”.

Contudo, mesmo a previsão com base no acordo firmado entre as partes, a empresa não estipulou uma data oficial para a entrega do imunizante.

Na oportunidade, a farmacêutica ainda reforçou que o objetivo principal é oferecer o acesso global e igualitário à vacina contra a Covid-19. A ação não tem fins lucrativos, tendo em vista que o imunizante será utilizado a caráter emergencial. 

As doses da vacina da Janssen/Johnson & Johnson, devem chegar no Aeroporto Internacional de Guarulhos, situado em São Paulo, para em seguida serem enviadas ao Centro de Distribuição do Ministério da Saúde. 

Posteriormente, o conselho tripartite, composto pelo Ministério da Saúde, Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Saúde (Conass) e Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (Conasems), decidirão em conjunto como a redistribuição para as capitais brasileiras será feita.

Esta é a primeira e única vacina contra a Covid-19 produzida em todo o mundo até então, que assegura a vacinação mediante a aplicação de uma única dose.

Vacina da Janssen e calendário de imunização

Para fazer melhor uso do imunizante, ontem (14) a Anvisa aprovou um novo prazo de validade da vacina da Janssen que termina no dia 27 de junho.

Embora o ministro Marcelo Queiroga tivesse garantido que as doses não seriam desperdiçadas, o órgão autorizou uma validade para até o início de agosto

O Brasil firmou um contrato com a farmacêutica para que cerca de 38 milhões de doses da vacina da Janssen sejam adquiridas.

A previsão é para que todo o lote seja enviado até o fim de 2021, apesar de uma parcela já ter sido providenciada para chegar ainda esta semana. 

“Será rapidamente aplicada, porque nossa capacidade de vacinar é muito boa, e não vai haver perda dessas vacinas. Todas as questões são pactuadas na tripartite”, afirmou Queiroga.

Embora tenha havido atraso na entrega das doses em três ou quatro dias, os calendários de imunização dos estados não sofrerão grandes impactos. Isso porque, até o momento há abastecimento de doses da Pfizer, Coronavac e Astrazeneca.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Como o atraso da vacina da Jassen pode atrapalhar o calendário de vacinação?

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA