DF inicia calendário de vacinação da Covid-19 para pessoas acima dos 58 anos

O calendário de vacinação da Covid-19 foi ampliado no Distrito Federal (DF). Desde esta terça-feira, 8, adultos com 58 anos de idade estão autorizados a procurarem os postos de vacinação para serem imunizados. 

DF inicia calendário de vacinação da Covid-19 para pessoas acima dos 58 anos
DF inicia calendário de vacinação da Covid-19 para pessoas acima dos 58 anos. (Imagem: Correio Brasiliense)

O remanejamento que resultou na inclusão de novas faixas etárias tem sido possível diante do cumprimento do envio de novos lotes contendo doses da vacina por parte do Ministério da Saúde.

O primeiro grupo a ser contemplado após idosos a partir de 60 anos, grávidas, puérperas e pessoas com comorbidades, foram os adultos de 59 anos na última segunda-feira, 7.

No entanto, para efetivarem o direito à vacinação da Covid-19, é preciso que os residentes do Distrito Federal façam o cadastro no portal: vacina.saude.df.gov.br.

A proposta da Secretaria de Saúde é a de incluir uma nova faixa etária da população geral a cada semana, reduzindo em um ano a previsão inicial de imunização. 

Se tratando do grupo composto por adultos de 58 anos, a previsão é para que cerca de 28.991 pessoas sejam vacinadas, de acordo com a Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan). Deste total, 8.491 já foram imunizadas devido à condição de saúde ou outro fator que os incluíram no grupo prioritário. 

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
OPORTUNIDADE
imagem do cartão
Você foi selecionado para ter um cartão de crédito, sem anuidade hoje mesmo.
Faça sua aplicação!
277 pessoas solicitando no momento...

Na oportunidade, o chefe da Casa Civil, ressaltou que: “Na semana que vem, a pasta vai analisar se há condições de baixar a idade novamente. A orientação é dinamizar e acelerar essa diminuição sempre que possível. Primeiro, passamos uma posição conservadora (do calendário). De acordo com o andamento, a SES-DF verifica se é possível reduzir a idade. Para as pessoas com 58 anos, foi possível”.

O adiantamento do calendário de vacinação da Covid-19 nesta semana tornou-se uma realidade após o Distrito Federal receber 30,4 mil doses da vacina da Pfizer/BioNTech.

Este total será distribuído entre os grupos a serem vacinados, por exemplo, 18.069 doses serão destinadas a pessoas com comorbidades, gestantes, puérperas e com deficiência. 

Enquanto isso, 8,3 mil doses serão aplicadas em profissionais da educação básica e 1.457 serão reservadas para os trabalhadores das forças de segurança. Por fim, o saldo de 320 doses da vacina da Pfizer serão aplicadas em profissionais do setor aéreo.

Por fim, o secretário de Saúde, Gustavo Rocha, reforçou a necessidade do agendamento se tratando da imunização da população geral. Este procedimento auxiliará no remanejamento das vacinas remanescentes. 

“É para controlar e filtrar a imunização, para direcionar adequadamente as doses. E, durante o agendamento, se o sistema detectar alguma inconsistência, a marcação não é feita”, concluiu o chefe da pasta.  

Laura Alvarenga
Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia - MG. Iniciou a carreira na área de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenha na carreira do jornalismo online através do portal FDR.