Bolsonaro: ‘Quem quer mais auxílio é só ir no banco fazer empréstimo’; será que é fácil solicitar?

Nesta semana, o presidente Jair Bolsonaro disse que quem estivesse insatisfeito com o valor do auxílio, que fizesse um empréstimo no banco. Mas um empréstimo só deve ser feito após um planejamento minucioso para que ele não se torne uma dor de cabeça futura. Veja dicas de como se planejar.

Bolsonaro: 'Quem quer mais auxílio é só ir no banco fazer empréstimo'; será que é fácil solicitar?
Bolsonaro: ‘Quem quer mais auxílio é só ir no banco fazer empréstimo’; será que é fácil solicitar? (Imagem: Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Ter um objetivo definido 

Antes de pensar em pedir um empréstimo, é essencial ter um objetivo definido, saber exatamente onde o dinheiro será empregado. Isto faz com que o cidadão só solicite um crédito pessoal ou demais modalidades se realmente precisar.

Outro ponto muito importante é pensar e avaliar se este gasto realmente é prioritário. É muito comum as pessoas se deixarem levar pela ansiedade em comprar determinado bem e acabar fazendo um empréstimo para algo que pode esperar.

Para não embolar suas finanças, tenha sempre em mente que o empréstimo deve ser pensando para situações inesperadas, como uma emergência de saúde, problema no carro, reforma na casa que não pode esperar, etc.

Utilizar o valor emprestado para pagar débitos com juros altos, como rotativo do cartão, entre outros, também deve ser considerado.

Faça as contas 

Após definir o objetivo, agora é o momento de avaliar a possibilidade de pagamento. Comece por uma análise completa de suas finanças. Analise a fundo suas receitas, despesas e, também, seus débitos em aberto e possíveis rendimentos.

Isto é primordial para saber se o pagamento do empréstimo é possível. Caso você esteja gastando mais do que ganha, este é o momento para ajustar as finanças. Só assim você conseguirá pagar e quem sabe futuramente poupar dinheiro.

Pesquise antes de contratar

Um empréstimo impacta diretamente as finanças do solicitante. Por conta disso, pesquise e vá atrás de instituições confiáveis e veja se das condições oferecidas são interessantes pra você.

Faça uma pesquisa sobre a reputação da instituição financeira. De preferência a nomes reconhecidos no mercado e que tenham boa reputação junto aos clientes.

Sempre leia o contrato por inteiro para evitar surpresas desagradáveis posteriormente e tente encontrar pessoas que fecharam negócio com a empresa.

É fácil contratar um empréstimo pessoal?

Diferente do que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) orientou, contratar um empréstimo não é assim tão fácil. Além do planejamento, os bancos são muito criteriosos ao liberar dinheiro.

O consignado, que desconta as parcelas do valor do empréstimo diretamente do seu salário, é mais prático. Isso porque, o banco tem maior garantia de pagamento.

Mas, para solicitar um crédito pessoal o cidadão deve ter um bom histórico de pagador, sujeito a consulta no SPC e Serasa. Além de movimentação bancária ativa, e renda mínima que varia de acordo com o banco solicitante.

 

MAIS LIDAS

×

Deixe as notícias mais recentes encontrarem você

Você pode ficar a par das melhores notícias financeiras e atualizado dos seus direitos com apenas uma coisa: o seu email!

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDR, onde já cumula vasta experiência e pesquisas, produzindo matérias sobre economia, finanças e investimentos.