Vale-transporte deve ser trocado por Riocard Mais em três cidades do RJ

Os moradores de Duque de Caxias, Magé, Guapimirim, na Baixada Fluminense, e Itaguaí, na Região Metropolitana, têm até o próximo dia 4 de junho para trocar o cartão do vale-transporte pelo Riocard Mais. O transporte público vai deixar de aceitar o cartão antigo de forma gradual. Saiba mais.

Vale-transporte deve ser trocado por RioCard Mais em três cidades do RJ
Vale-transporte deve ser trocado por RioCard Mais em três cidades do RJ (Imagem: Andre Borges/Agência Brasília)

Os passageiros podem utilizar o novo cartão Riocard Mais em todos os meios de transporte público:

  • Metrô
  • Trens
  • Barcas
  • Ônibus municipais e intermunicipais
  • Vans legalizadas
  • BRT
  • VLT

Os usuários que ainda não trocaram de cartão, devem se apressar pois o período de atualização de todos os validadores do sistema de transporte para leitura somente no Riocard Mais termina em dia 2 de julho.

Como forma de facilitar a troca do cartão antigo pelo novo, serão espalhadas equipes de atendimento em pontos estratégicos nos meios de transporte e nas lojas Riocard Mais da Região Metropolitana.

As lojas vão abrir nos dias úteis até às 19h e serão distribuídas senhas. A unidade localizada na Central do Brasil também abrirá aos sábados, somente para esta finalidade.

“Quem perder o prazo final deverá buscar o serviço diretamente em uma loja Riocard Mais. Deixa apenas de contar com a praticidade de trocar o vale-transporte no meio de transporte que utiliza com frequência”, explicou Melissa Sartori, gerente de marketing da Riocard Mais.

O sistema de barcas (linhas Rio-Niterói, Paquetá, Cocotá, Ilha Grande, Mangaratiba e Angra dos Reis) e dos ônibus municipais e intermunicipais e vans legalizadas da região de Niterói, São Gonçalo, Maricá, Tanguá e Itaboraí, deixam de aceitar o vale-transporte antigo no dia 11 de junho. 

Como receber o novo cartão 

O novo cartão é entregue gratuitamente para os usuários e a troca é feita com a apresentação do antigo. Não é preciso levar nenhuma documentação, porém, a troca só pode ser feita pelo usuário titular do cartão, pois o benefício é pessoal e intransferível. 

No momento da troca, será emitido um comprovante com os valores dos créditos que estavam disponíveis no antigo cartão.

Você gostou deste conteúdo? AVALIE:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Vale-transporte deve ser trocado por Riocard Mais em três cidades do RJ

Paulo Amorim
Paulo Henrique Oliveira, formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo, atua como do redator do portal FDR produzindo matérias sobre economia em geral e também como repórter do site Aparato do Entretenimento cobrindo o mundo da TV e das artes.
×

Este cartão de crédito sem anuidade está selecionando pessoas para receber possível limite agora!

VER AGORA